No Uruguai, encontro da UPM discute integração de fronteiras e ligação bioceânica

By -
“Esse debate fortalece o nosso discurso sobre a importância do turismo na economia e a troca experiências nas diversas área", afirmou Francisco Souza

“Esse debate fortalece o nosso discurso sobre a importância do turismo na economia e a troca experiências nas diversas área”, afirmou Francisco Souza

Parlamentares regionais e municipais da Argentina, Brasil, Chile, Paraguai e Uruguai, e dirigentes da União de Parlamentares Sul Americanos e do Mercosul (UPM), prefeitos, gestores e empresários, participaram da reunião do Pré-Fórum do Corredor Bioceânico Central, realizado em Montevidéu, Uruguai, na última sexta-feira (4), quando importantes propostas foram apresentadas com o objetivo de consolidar a integração e promover o desenvolvimento econômico dos países membros do Mercosul e Chile.

O Fórum da UPM discutiu a ligação dos oceanos Atlântico e Pacífico, dos portos de Valparaíso, Chile, ao porto de Rio Grande, no Rio Grande do Sul.

O vice-presidente da UPM pelo Chile, conselheiro Carlos Briseño, apresentou as diversas opções de ligação bioceânica (Pacífico – Atlântico), enfatizando as necessidades de investimentos dos países em infraestrutura.

O presidente do Bloco Brasileiro da UPM, deputado Francisco Souza (PTN), destacou a importância da revitalização da BR-319 nesse processo de integração. “O Amazonas é uma peça fundamental para esse projeto. Hoje estamos ligados a Roraima e Venezuela, se desejamos uma inclusão de toda a America Latina, devemos lutar pela construção da Ponte sobre o Rio Solimões e recuperar a BR-319 ”. Enfatizou Souza.

A proposta do parlamentar, acatada pelo Fórum, é a de garantir a participação de autoridades governamentais e técnicos da área de infraestrutura dos países envolvidos nas discussões, que deverão ter continuidade em abril do próximo ano durante o 3º Seminário Mercosul Cidadão, a ser realizado em Chapecó, Santa Catarina. 

Turismo na Integração Regional

Os dirigentes da UPM também promoveram no sábado (5), discussões preparatórias ao 3º Fórum de Turismo a ser realizado em março em Montevidéu e Maldonado, departamentos do Uruguai.

Na oportunidade, o prefeito de Montevidéu, André Abt, palestrou sobre a potencialidade turística de seu município e apresentou os investimentos feitos pelo seu governo.

Claudio Visillac, Diretor de Turismo do Departamento de Montevidéu, complementou as informações com dados gerais sobre o desenvolvimento do setor.

Segundo o deputado Francisco Souza (PTN), presidente da Comissão de Turismo e Empreendedorismo (Ctur), da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), a discussão tem um efeito positivo na troca de informações e projetos para alavancar o turismo. “Esse debate fortalece o nosso discurso sobre a importância do turismo na economia e a troca experiências nas diversas áreas onde o segmento está inserido, como por exemplo, o turismo de fronteira que tem crescido nos últimos anos”, disse o parlamentar.

Roberto Brasil