Waldemir realiza mais um ciclo de fiscalização nas comunidades ribeirinhas

By -
Waldemir José fará novas inspeções na próxima quinta-feira (26)

Waldemir José fará novas inspeções na próxima quinta-feira (26)

Dando continuidade a mais um ciclo de fiscalização nos equipamentos públicos da Zona Rural do município de Manaus, o vereador Waldemir José (PT) visitou na sexta-feira (20) mais 3 comunidades ribeirinhas localizadas à margem direita do Rio Negro. Assim como nas demais localidades visitadas anteriormente, a situação da educação, da saúde, da segurança e da infraestrutura também está abandonada pela Prefeitura. 

Nas três comunidades fiscalizadas – Nova Jerusalém, Lindo Amanhecer e Monte Sinai – Waldemir José observou o descaso da prefeitura com a área rural do município, sobretudo com a educação e saúde. Ele encontrou escolas e postos de saúde em estado de total abandono e, em alguns casos, não encontrou sequer alguma unidade atendimento à saúde dos ribeirinhos. 

waldemir-jose-comunidades-ribeirinhas-02Já, os postos de saúde funcionam de forma precária. Faltam medicamentos, faltam profissionais de saúde, falta a presença dos gestores, faltam médicos, faltam equipamentos básicos (medidor de pressão arterial, dosador de glicose, balança de pesagem etc) e principalmente falta “ambulancha” para transportar os doentes graves para Manaus, situação que preocupa bastante os moradores. 

No que diz respeito às escolas, falta merenda escolar em algumas e quando tem não é o suficiente para atender a todos os alunos. As salas de aula são insuficientes e muito quentes; os telecentros estão abandonados por falta de manutenção nos equipamentos e por falta de energia elétrica; não tem refrigeração; não tem água potável para consumo das crianças que são obrigadas a consumirem água diretamente do rio. Além disso, o que mais preocupa os ribeirinhos é a falta de professores, o que leva ao ensino multisseriado, ou seja, três ou mais séries distintas, na mesma sala de aula, sob a orientação de um único professor que não recebeu nenhuma formação da Semed para esse tipo de metodologia. 

waldemir-jose-comunidades-ribeirinhas-04“É lamentável o desperdícios de dinheiro público. Computadores, condicionadores de ar e materiais didáticos financiados pelo Governo Federal, que poderiam melhorar o aprendizado de nossas crianças, encaixotados nos cantos das salas de aula desde 2012 ou estão parados por falta de uma simples manutenção, o que se evidencia nos telecentros, projetos do Governo Federal, mas mal administrado pela Prefeitura. É um absurdo essa falta de compromisso com a educação”, lamentou Waldemir. 

Como proposta de ação para melhoria do atendimento à saúde e à educação, o parlamentar pretende realizar no próximo mês, nessas localidades, audiência pública com a participação da Secretária Municipal de Educação (Semed), Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), Secretaria de Segurança, dentre outros, para tratar desses problemas. 

waldemir-jose-comunidades-ribeirinhas-05Participaram dessa fiscalização as lideranças representativas de cada comunidade visitada e, também, a delegada do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Manaus, Iranduba e Careiro, Maria Leonice Silva, o representante do Fórum Permanente em Defesa das Comunidades Rurais de Manaus (Fopec) Nidoval Souza, a historiadora e professora da Semed Gleice Oliveira e o professor do departamento de biologia da Universidade Federal do Amazonas  Welton Yudi Oda. 

Mais uma etapa de fiscalização será realizada pelo vereador Waldemir José na próxima quinta-feira (26), desta vez as comunidades visitadas estão localizadas na margem direita do Rio Amazonas. A atividade terá inicio às 8h00, com a participação de lideranças comunitárias ribeirinhas, da Fopec , de representação da Cáritas Arquidocesana de Manaus e demais convidados que atuam na área ribeirinha.

Roberto Brasil