Wagner Noronha conquista cinturão do Rei da Selva 6, em Manaus

By -

reidaselvacombat6-wagner-1Numa luta eletrizante, o amazonense Wagner “Peão” Noronha (Monteiro/Adam) conquistou o cinturão da categoria pena (até 66 kg) do Rei da Selva Combat 6 ao vencer o conterrâneo Joaquim Polônia (Cristiano Mascarenhas MMA) com uma finalização em leg lock aos 53 segundos do primeiro round. O show de artes marciais aconteceu na noite de sábado, 5 de dezembro, no ginásio da Faculdade Estácio, em Manaus.

Com sangue nos olhos e focado na vitória desde que assinou o contrato, o faixa preta Noronha foi para cima de Polônia e pressionou o adversário desde os primeiros segundos. Oriundo do jiu-jítsu, ele fez da sua arte favorita o caminho para o título inédito em sua carreira, aplicando uma chave de joelho brutal que levou o adversário direto para o hospital.

reidaselvacombat6-wagner-3“Prevaleceu o jiu-jítsu, a tradição da Associação Monteiro e graças a Deus consegui encaixar meu jogo, minha estratégia. Essa vitória não é só minha, é de toda a família Monteiro, Adam, OCS, todos os amigos que acreditaram e vieram aqui torcer por mim”, disse o campeão, que agora projeta lutar em eventos nacionais como o Jungle Fight. “Quero lutar os melhores torneios, mas infelizmente nós ainda sofremos muito com a falta de patrocínio. Que os empresários valorizem mais os atletas que estão despontando no Amazonas”.

Diego Davella espetacular

Considerado um dos melhores atletas do Brasil no peso galo (até 61 kg), o manauara Diego Davella (CTT/SD System) confirmou o favoritismo no co-main event ao superar Paulo “Irmão” Souza (Irmandade Fight Team-TO) por finalização em arm lock aos 4min48seg do primeiro round.

reidaselvacombat6-wagner-4Outros vencedores

O Rei da Selva Combat é uma organização de MMA 100% amazonense e tem com dirigentes os empreendedores do esporte Diogo Dias Dutra e Sammy Dias. A dupla também organiza o Amazon Talent.

A sexta edição do Rei da Selva contou com a presença VIP do lutador do UFC Dileno Lopes e teve mais seis vencedores: Rafael Dias (SD System/Checkmat), Thiago Belo (Alfa MMA), Luiz Guerreiro (MPBJJ/Nova União), Max Douglas (SD System/Checkmat), Thales Morais (Ducks Team) e Leandro Moreira (SD System/Checkmat). 

reidaselvacombat6-wagner-2Resultados oficiais do Rei da Selva 6 (Manaus, 5 dez 2015) 

1ª luta:

Até 77 kg (meio-médio) – Leandro Moreira (SD System/Checkmat) venceu Fernando Reis (Alfa MMA) por nocaute técnico a 1min45seg do primeiro round; 

2ª luta:                   

Até 66 kg (pena) – Thales Morais (Ducks Team) venceu Genésio Adryan (MBJ/SV Team) por finalização em mata-leão aos 4min21seg do terceiro round;

3ª luta:

Até 61 kg (galo) – Max Douglas (SD System/Checkmat) venceu Sérgio Ribeiro (MPBJJ/Nova União) por decisão dividida dos juízes;

4ª luta:

Até 57 kg (mosca) – Luiz Guerreiro (MPBJJ/Nova União) venceu Leandro Lima (Orley Lobato/Império) por desistência médica aos 2min14seg do segundo round; 

5ª luta:

Até 61 kg (galo) – Thiago Belo (Alfa MMA) venceu Marcelinho Almeida (Team Cardoso) por decisão unânime dos juízes; 

6ª luta:

Até 57 kg (mosca) – Rafael Dias (SD System/Checkmat) venceu Cleber “Piolho” Silva (Irmandade Fight Team-TO) por desistência médica aos 3min02seg do segundo round;

7ª luta (Co-main event):

Até 61 kg (galo) – Diego Davella (CTT/SD System) venceu Paulo “Irmão” Souza (Irmandade Fight Team-TO) por finalização em arm lock aos 4min48seg do primeiro round; 

8ª luta (Main event):

Até 66 kg (pena) –  Wagner “Peão” Noronha (Monteiro/Adam) venceu Joaquim Polônia (Cristiano Mascarenhas MMA) por finalização em leg lock aos 53 segundos do primeiro round.

Roberto Brasil