TV Câmara suspende programa que fazia propaganda de deputados

By -

tv-camaraO programa da TV Câmara “Onde o povo está”, que acompanha os parlamentares em eventos promocionais nas suas bases eleitorais, está suspenso e vai passar por uma reavaliação. A decisão da Câmara foi confirmada pelo secretário de Comunicação Social da Casa, deputado Cléber Verde (PRB-MA). A medida foi tomada após reportagem do GLOBO sobre o programa, que exibe deputados em visita a obras realizadas com recursos de suas próprias emendas, dançando, tocando tambor, cumprimentando e trocando abraços com eleitores, em desfile cívico, em casamento coletivo de 700 casais e até narrando jogo de futebol.

— Vamos fazer uma avaliação para analisar como atender melhor os deputados e de forma mais rápida. É um programa que tem um lado importante, que é mostrar os deputados fora da Câmara, no seu município. É uma reavaliação, mas não o seu fim. Diante do que foi apresentado pela imprensa vamos discutir melhor — disse Cléber Verde ao GLOBO, na manhã da última sexta-feira (11).

O deputado disse ainda que será estudada uma maneira de tentar contemplar os 513 deputados. O programa começou a ir ao ar no final de agosto e, até agora, foram beneficiados 16 deputados. Até mesmo a agenda de viagem para gravar uma segunda leva de parlamentares foi suspensa. O propósito também é tentar reduzir custo do programa. Cada deslocamento de uma equipe de quatro profissionais da TV Câmara para gravar um programa desses custa R$ 50 mil.

— O programa vai continuar. Vamos reduzir os custos, atendendo a um pedido do presidente (Eduardo Cunha). Reunimos uma equipe técnica para fazer uma avaliação geral — disse Verde.

O secretário reafirmou que os deputados escolhidos para os primeiros programas foram sorteados.

— Buscamos escolher os estados menores, que têm menor representação na Câmara. E variamos os partidos. O GLOBO

Roberto Brasil