Trio é preso com drogas no Porto de Tapauá

By -
O trio já estava sendo investigado há um mês

O trio já estava sendo investigado há um mês

A Polícia Civil do Amazonas, por meio de servidores lotados na 64ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP), situada em Tapauá, distante 449 quilômetros em linha reta de Manaus, deflagrou na manhã de segunda-feira, 18, em pareceria com policiais militares que atuam no lugar, a operação Dionísio, que resultou na prisão de três pessoas envolvidas com o tráfico de drogas naquele município.  

Elieudo Ramos Barbosa, 24, o “Cobra”; Silvania Alciole Barbosa, 26; e o mototaxista José Antonio Ribeiro de Souza, 30, foram presos por volta das 8h no Porto de Tapauá, num local conhecido como “Escadaria”, no momento em que recebiam drogas transportadas em uma embarcação de recreio que havia saído da capital.

drogas-trio-tapaua-03De acordo com o delegado titular da 64ª DIP, Osmar Nasser, o trio já estava sendo investigado há um mês, após servidores da unidade policial receberem denúncias anônimas comunicando o transporte da mercadoria ilícita no município. “Fomos informados que uma embarcação de recreio estava transportando, por encomenda, entorpecentes para serem distribuídos em Tapauá”, disse.

Ainda conforme a autoridade policial, Elieudo e a tia dele, Silvania, foram os presos após receberem uma encomenda de 125 gramas de pasta base de cocaína. Com eles foi apreendida uma motocicleta CG 150 Titan, de placa PHB–7275. Logo após a prisão da dupla, os policiais prenderam em flagrante José Antonio, que havia recebido 200 gramas de oxi e uma moto CG 150 Titan, sem placa, que seria utilizada para transporte da droga naquele município.

Na unidade policial o trio foi autuado em flagrante por tráfico de drogas. Ao término dos procedimentos cabíveis Elieudo, Silvania e José irão permanecer na carceragem da 64ª DIP, onde ficarão à disposição da Justiça.

Roberto Brasil