Tony Medeiros luta pelas demandas do interior

By -

tony-medeiros 01

O deputado estadual parintinense Tony Medeiros (PSL) conseguiu em menos de dois anos de atuação reacender a força do Legislativo no Baixo Amazonas. Atuando na presidência da Comissão de Assuntos Municipais da Assembleia Legislativa do Estado (Aleam) ele recebe as demandas, repassa as demais Comissões e cobra na tribuna do parlamento estadual. Há 17 anos a região não elegia representante, reflexo da ausência de antigos legisladores que desapareciam das cidades do interior. Percorrendo caminho inverso, Tony Medeiros marca território e amplia o diálogo junto aos moradores.

“Quem tem mais de 20 anos sabe que antes a população de Parintins, Barreirinha, Nhamundá e Boa Vista só conhecia deputados na época da eleição. O cidadão tem que cobrar o seu representante e para cobrar deve ter o deputado perto. Por isso sempre faço o esforço de está no interior”, relatou Tony.

Para a base eleitoral em Parintins, Tony luta no sentido de instalar uma clínica de hemodiálise, implantação de unidade neonatal, transferência de policiais e instalação da ronda dos bairros no interior, ampliação de energia e instalação de telefonia nas Agrovilas do Mocambo, Caburi, Bairro da União e Pascal Alagio e ainda recuperação de drenagem de parte do bairro que nesse mês de janeiro, qualquer chuva alaga dezenas de residências.

Medeiros acrescenta que o pedido de desculpas e reconhecimento de atuação dos japoneses no Amazonas, feito pelo governador Omar Aziz (PSD) é um dos grandes feitos do mandato. Para ele, Omar faz um governo diferenciado e por isso tem ótima aprovação da população. “O governador Omar é um parceiro que vai crescendo com políticas públicas. Conhece como poucos a estrutura do Legislativo e do Executivo”, afirma.

O deputado estadual comenta que trabalha junto aos deputados federais e senadores para conseguir o máximo de emendas para 2014 no sentido de contribuir com os municípios do Baixo e Médio Amazonas. “O deputado é de todo o estado. Estivemos em Itacoatiara, Maués e Manacapuru e iremos lutar de igual modo para cada um deles,” comentou.

Sobre a eleição de 2014 e os embates partidários Tony diz ser decisão única do eleitor. “Na região do baixo Amazonas desejo observar vários novos políticos se lançarem candidatos. O jovem líder estudantil, o líder comunitário, porque não. Afinal o parlamento é feito de segmentos. Dessa forma teremos mais representatividade e força da população para conseguirmos eleger mais dois ou três parlamentares”, enfatizou o parlamentar.///Hudson Lima

Redação