TJAM nega pedido de intervenção em Coari

By -

tjam-entradaDa Redação – O Pleno do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) negou há pouco o pedido de intervenção no Município de Coari feito pelo Ministério Público (MP). Com o pedido de vistas do desembargador Raphael Romano o julgamento ficou adiado para posterior sessão a ser marcada pelo tribunal. Apesar de o MP ter apresentado 13 questões aos desembargadores para que houvesse intervenção em Coari, o desembargador-relator João Abdala Simões apresentou proposta contrária à intervenção sendo seguido pelos demais colegas.

Em Coari, na noite de sábado, o governador José Melo afirmou que aguarda a decisão do Tribunal de Justiça do Amazonas para fazer a intervenção. “É hora de fazer os recursos serem revertidos em benefício do povo de Coari e não daqueles que nem aqui vivem”, disse José Melo, referindo-se a exploração do gás natural.// (Jersey Nazareno)

Mario Dantas