Susam realiza programação especial na Semana Mundial do Aleitamento Materno

By -
O aleitamento materno é considerado um grande aliado das ações de combate à mortalidade infantil

O aleitamento materno é considerado um grande aliado das ações de combate à mortalidade infantil

As maternidades e os Bancos de Leite da Secretaria Estadual de Saúde (Susam) iniciam na segunda-feira (3), numa solenidade que terá início às 9h, no Instituto da Mulher Dona Lindu, uma programação especial, alusiva à Semana Mundial de Aleitamento Materno (SMAN). Além de homenagear mães doadoras e os colaboradores que atuam diretamente no serviço de captação de leite humano, a programação será marcada por atividades de rua, que pretendem reforçar a importância do aleitamento materno para a saúde das crianças e das mulheres e, ainda, incluirá eventos internos de capacitação das equipes de saúde. O encerramento acontece na sexta-feira (7), na Maternidade Chapot Prevost, quando será inaugurado o posto de coleta de leite humano da unidade.

“O aleitamento materno, como sabemos, é considerado um grande aliado das ações de combate à mortalidade infantil. Além das atividades de rotina que realizamos em nossas unidades, para estimular e apoiar está prática, consideramos importantíssimo reforçar as orientações durante a Semana Mundial do Aleitamento Materno, dando ainda mais destaque ao tema”, disse o secretário estadual de Saúde, Pedro Elias de Souza. Ele destaca que, pelo comprometimento com a causa, toda a rede de maternidades da Susam é detentora do título de Hospital Amigo da Criança, concedido pelo Ministério da Saúde, em parceria com o Unicef, à unidades que atuam fortemente para evitar que os bebês passem pelo desmame precoce.

Na terça-feira (4), equipes das maternidades, bancos de leite e postos de coleta estarão distribuindo material informativo sobre o aleitamento materno em quatro dos principais terminais de ônibus da cidade (T1, T3, T4 e T5). “É um momento para reforçarmos, junto à população as informações sobre o tema e, ainda, para divulgarmos o serviço realizado pelos Bancos de Leite, que ajudam crianças que não podem ser amamentadas pela própria mãe, o que inclui muitos casos de prematuros internados em Unidades de Terapia Intensiva da rede pública e particular”, frisou a coordenadora estadual de Saúde da Criança, Katherine Benevides.

O posto de coleta que será inaugurado na Maternidade Chapot Prevost, localizada na Colônia Antônio Aleixo, na zona Leste. “Neste dia, estaremos inaugurando um novo posto de coleta de leite humano, que passará a integrar a rede, vinculado ao Banco de Leite Humano do Amazonas, que funciona na Maternidade Ana Braga”, explicou Katherine. Atualmente, os três Bancos de Leite Humano (BLH) da capital têm uma rede de 13 postos de coleta e a Susam tem a meta de ampliar em número em mais 20 postos, o que deverá ocorrer entre este segundo semestre de 2015 e o ano de 2016.

Roberto Brasil