Supletivo Eletrônico deverá ser realizado por mais de mil pessoas em setembro

By -

seduc-supletivo-eletronicoNeste mês de setembro, o Supletivo Eletrônico da Secretaria de Estado da Educação (Seduc) será realizado no interior do estado, nos municípios de Parintins e Maraã, e em Manaus, já está acontecendo nas escolas da rede estadual de educação e nos Centros de Ensino de Tempo Integral (CETIs). A expectativa é alcançar, somente neste mês, 1.112 pessoas com o exame, que abrange disciplinas pendentes para conclusão dos ensinos Fundamental e Médio.

O Supletivo Eletrônico é realizado através de um software produzido pela empresa de Processamento de Dados do Amazonas S.A (Prodam). Com o provão, o secretário estadual de Educação, Rossieli Soares da Silva, diz que o Governo do Estado reforça a política de assegurar, gratuitamente, a jovens, adultos e idosos, a oportunidade de obterem o certificado dos ensinos Fundamental e Médio, por meio dos exames.

A supervisora de sistemas da Educação da Prodam, Helca Peuget de Oliveira, ressalta que o software desenvolvido pelo órgão consiste em um projeto de importante alcance social, porque permite aumentar as chances de o cidadão concluir os estudos, seja do ensino Fundamental ou Médio. Para fazer as provas do ensino Fundamental, o aluno deve ter, no mínimo, 15 anos de idade. Para o ensino Médio, a exigência é de 18 anos.

Nesta quinta-feira (11), o Supletivo Eletrônico foi aplicado no Centro de Convivência do Idoso, de 8h às 15h. O exame foi realizado em uma ação de cidadania para o público LGBT, com vários setores públicos do estado e do município envolvidos na atividade.

Nos CETIs e nas escolas da rede estadual, o Supletivo Eletrônico é aplicado periodicamente a cada mês, nos turnos da manhã e tarde. A prova é feita utilizando o modelo online: os candidatos se inscrevem e agendam pela internet, a locais determinados na hora da inscrição. O calendário anual dessa modalidade de evento está disponível no endereço www.examesupletivo.seduc.am.gov.br.

Os exames de setembro acontecem na segunda-feira (15) e nos dias 19 e 22. As inscrições encerraram na quarta-feira (09). Os exames são das 8h às 12h e das 13h às 17h. As instituições onde os alunos poderão fazer o exame são: Instituto de Educação do Amazonas (IEA), na rua Ramos Ferreira, 875, Centro; Escola Estadual Leopoldo Neves, na rua Leopoldo Neves, 39, Educandos; Escola Estadual Solon de Lucena, na avenida Constantino Nery, 2085, São Geraldo; CETI Áurea Braga, na avenida Brasil, Compensa; Escola Estadual Marcantonio Vilaça I, na rua A, 116, bairro Jorge Teixeira; CETI Elisa Bessa Freire, na avenida Max Teixeira, 1950, Cidade Nova; e CETI João dos Santos Braga, na avenida Curaçao, s/n, Nova Cidade.

As inscrições para o Supletivo Eletrônico em Parintins e Maraã começaram na segunda-feira (08) e vão até esta sexta-feira (12). As provas serão realizadas nas duas cidades, de 22 a 27 deste mês. As inscrições devem ser feitas no site.

Os exames serão aplicados de modo off-line. “Isso significa que os dados são exportados para um computador local, que atuará como servidor, trabalhando em rede e alimentando os demais, sem que os alunos precisem de acesso à internet, o que muitas vezes é complicado no interior”, explica o analista de Tecnologia da Informação da Prodam e integrante da supervisão de sistemas de educação, Humberto Tomais da Silva.

Roberto Brasil