SSP-AM apresenta aeronave que será usada nas operações de Segurança Pública do Estado

By -

helicoptero-ssp-seguranca 04A Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) apresentou para os representantes dos órgãos de segurança (Polícia Militar, Polícia  Civil e Corpo de Bombeiros), no último sábado (18), o helicóptero da instituição que será utilizado nas ações de Segurança Pública na capital e cidades do interior. A aeronave, que estava passando por manutenção e reparos, já está atuando nas ações de segurança da passagem da Tocha Olímpica iniciada neste domingo (19) e que segue até esta segunda-feira (20). 

helicoptero-ssp-seguranca 01A aeronave, modelo Esquilo B3 + da marca Helibrás, foi reintegrada ao acervo da SSP-AM após passar por uma manutenção, que custou cerca de R$ 300 mil por meio de um contrato emergencial.  Ela será usada na atividade policial e de emergência, quando necessário, por todos os órgãos que compõem o sistema de segurança (PM, PC, Detran e Corpo de Bombeiros), conforme explicou o secretário de Segurança Pública, Sérgio Fontes.

“Esse helicóptero estava cedido pela SSP à Polícia Militar, mas há alguns meses voltou ao acervo da secretaria. Dessa forma, ela poderá ser empregada em nossas operações e demandas específicas de todos os órgãos que fazem parte do Sistema de Segurança”, explica. 

helicoptero-ssp-seguranca 02A apresentação do helicóptero foi feita no aeroclube, no bairro Flores, e contou com as presenças do comandante-geral da Polícia Militar em exercício (PM-AM), coronel Rubens de Sá, delegado-geral de Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), Francisco Sobrinho, secretário-executivo-adjunto de Planejamento e Gestão Integrada (Seagi), coronel Dan Câmara, diretor-geral do Instituto Integrado de Ensino (Iesp), comandante-geral do Corpo de Bombeiros do Amazonas, coronel Fernando Sérgio e o subcomandante-geral do Corpo de Bombeiros (CBMAM), coronel Raimundo Rodrigues. 

helicoptero-ssp-seguranca 03De acordo com o secretário de segurança, os custos das horas de voo da aeronave serão rateados entre as instituições. “Colocar uma aeronave como essa para voar custa cerca de R$ 7 mil reais por hora. Mas em um Estado que vai receber as Olimpíadas e que tem distâncias enormes não pode abrir mão de um helicóptero”, explica. 

Fontes informa ainda que a SSP-AM está criando, por meio de Portaria, o Serviço de Operações Aéreas (SOA), um grupamento responsável em operar a aeronave Esquilo, e as outras aeronaves que pertencem a secretaria. 

Roberto Brasil