Servidores da SUFRAMA continuam em greve

By -

greve-suframa

Cerca de 400 servidores da Superintendência da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA) continuam em greve nesta segunda-feira (24). Dentre as principais reivindicações da categoria estão a melhoria da infraestrutura de trabalho e a reestruturação do Plano de Cargos e Carreiras da autarquia. A paralisação, que teve início na ultima quarta-feira (19), conta com a adesão dos servidores do Amazonas e de todas unidades descentralizadas, localizadas nos estados do Acre, Amapá, Rondônia e Roraima.

De acordo com o Sindicato dos Servidores da SUFRAMA (Sindframa), ao contrário da previsão apontada pela Superintendência de que até a ultima sexta-feira haveria uma sinalização de como seria conduzido o processo, até o momento não houve qualquer manifestação por parte do Governo Federal.

A fim de minimizar os prejuízos à sociedade, o Sindframa estabeleceu um procedimento emergencial para a liberação de mercadorias com itens considerados essenciais, tais como medicamentos, instrumental cirúrgico, produtos perecíveis integrantes da cesta básica, entre outros.

Redação