Serafim Corrêa pretende priorizar saúde básica

By -
Serafim Corrêa

Serafim Corrêa

Da Redação – O candidato a prefeito de Manaus Serafim Corrêa (PSB), acompanhado por sua vice Cristiane Balieiro, 35, estiveram na manhã desta sexta-feira (05) no Blog da Floresta para dizer como pretende governar a cidade, caso venha a ser eleito. Conhecedor dos problemas urbanos da capital amazonense, já administrou a prefeitura no período de 2005 a 2008. Atualmente deputado estadual, ele detalhou seu projeto de governo para resolver os problemas na Saúde, Transporte Coletivo, Mobilidade Urbana, Educação, água e energia.

entrevista-serafim-correa-blogdafloresta 02Blog da Floresta: Por que o senhor quer ser Prefeito de Manaus?

Serafim Corrêa: De quatro em quatro anos todos os partidos tem o dever de oferecer as escolhas para administrar a cidade de Manaus, eu quero ser Prefeito de Manaus por vontade própria e pelo apelo da rua.

entrevista-serafim-correa-blogdafloresta 03BDF: Qual avaliação que o senhor faz do sistema de saúde público na capital?

SC: Eu tenho legado como nenhum outro candidato para falar do assunto, tendo implementado a maternidade Moura Tapajós, onde já nasceram 40 mil crianças e penso que a saúde vai ligada com a educação. É fundamental a atenção básica de saúde. Pretendo implantar exames de vista nas crianças de ensino fundamental, aplicação de flúor e exames básicos.

entrevista-serafim-correa-blogdafloresta 04BDF: De que forma pretende resolver o problema caótico do trânsito?

SC: Duas medidas podem ser aplicadas para resolver o problema do transito em Manaus, uma, a faixa azul deve ser colocada do lado direito, mesmo porque a porta abre desse lado. Por outro lado faremos cirurgias urbanas ou pequenas obras como recuos nas paradas, cortes na direita e esquerda. A nossa proposta é de fazer viadutos com dinheiro de fora.

entrevista-serafim-correa-blogdafloresta 05BDF: O transporte coletivo vem sendo subsidiado tanto pela Prefeitura quanto Governo do Estado, mesmo assim não apresenta melhoras. O que o senhor tem a dizer?

SC: O transporte coletivo é a maior dor de cabeça dos Prefeitos do Brasil, especialmente São Paulo que subsidia mais, todavia na época em que fui prefeito era reajustado de forma anual e transparente, como, por exemplo, 40% baseado na variação do diesel. O que também não entendo é como o Sindicato das Empresas de Manaus (Sinetram) usa esta entidade para questões empresariais e o setor sempre está em greve. Até a Justiça do Trabalho não pode resolver nada.

entrevista-serafim-correa-blogdafloresta 06BDF: O abastecimento de água continua tendo dificuldades. Como resolver isto? 

SC: Este problema deve ser resolvido se equacionando as falhas na operação e entendo que merece uma ação proativa da empresa e exigirei manutenção, bem como laudos que digam onde estão as falhas, pois temos ouvido muitas mentiras e sabemos que depende também da estabilidade da energia elétrica, mas não podemos aceitar que as contas deste serviço continuem subindo. Temos que interagir com o governo federal.

BDF: Caso tenha uma vitória como será a sua relação com os servidores?

SC: A melhor possível. Eles têm saudades de mim, especialmente nas áreas de saúde e educação porque tenho apresentado propostas em seu benefício.

*Mercedes Guzmán e Jersey Nazareno – Fotos: Áida Fernandes

Roberto Brasil