Sepror realiza o I Seminário de Pecuária de Corte e de Leite em Manaus

By -
este seminário é o ponta pé para vivenciarmos esse ambiente de aprendizagem, com profissionais de alto quilate, disse Muni Lourenço

Este seminário é o ponta pé para vivenciarmos esse ambiente de aprendizagem, com profissionais de alto quilate, disse Muni Lourenço

Cerca de 200 pessoas, entre pequenos, médios e grandes produtores, empresários, autoridades e profissionais ligados ao setor primário participaram do I Seminário de Pecuária de Corte e Leite, realizado na sede do Cetam, em Manaus. A abertura do evento ocorreu na sábado (8), no distrito de Santo Antônio de Matupi, em Manicoré e será finalizado na quarta-feira (12) em Parintins.

O objetivo do evento é dar início a uma série de treinamentos e qualificações realizados pela equipe do Programa de Capacitação Tecnológica do Sistema Sepror, divulgando assuntos importantes com destaque a técnicas que proporcionem aumento na produtividade e na renda dos criadores de bovinos no Estado.

Hoje em Manaus, o secretário executivo da Secretaria de Estado da Produção Rural e Sustentabilidade (Sepror), Valdenor Cardoso, destacou a importância do segmento da pecuária e da união das entidades empresariais e governamentais.

seminario-sepror-2“É um novo momento na Sepror, no setor primário. Estamos de braços abertos para parcerias e este evento é o início de uma longa jornada, de uma agenda extensa para a pecuária do Estado. Teremos mais novidades no dia 17, no lançamento do Plano Safra”, garantiu ele.

Participaram da abertura oficial do evento diversas autoridades ligadas ao setor, entre os quais, o presidente do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável (Idam), Edimar Vizolli, o secretário de Política Agrícola, Pecuária e Florestal (Seapaf), Hamilton Casara, o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Amazonas (Faea-AM), Muni Lourenço, o vice-prefeito do Careiro Castanho, Nailson Guedes, o  Superintendente estadual do Banco do Brasil, Edson Branco, o representante da Embrapa, Jaziel Nunes, a representante da Afeam, Rosaura Ricarti e o Presidente do Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado do Amazonas (OCB-AM), Petrúcio Magalhães Jr.

O presidente da Faea parabenizou a Sepror pelo evento e comemorou o novo momento para a pecuária, com a atenção governamental.

seminario-sepror-4“Temos muitos desafios ‘da porteira para fora’, de infraestrutura, cheias dos rios, problemas de regularização fundiária. E também problemas ‘da porteira pra dentro’, necessidade de tecnologia, aumentar a produtividade animal, de nos profissionalizar. E este seminário é o ponta pé para vivenciarmos esse ambiente de aprendizagem, com profissionais de alto quilate”, afirmou ele.

A palestra sobre Pecuária de Leite foi proferida pelo especialista Leandro de Carvalho, da Associação Brasileira dos Criadores de Girolando. Ele elogiou o que viu no Amazonas, e acrescentou ideias chaves para serem implementadas pelo governo e empresários.

“Vi muita coisa boa aqui. Vi um povo com muita vontade de produzir. Mas precisamos ter responsabilidade e saber que é preciso de resultados. Além da paixão, a atividade econômica precisa dar resultados”, ressaltou o palestrante.

A iniciativa foi elogiada pelos produtores. A pecuarista Célia Alexandre de Lira, da fazenda Floresta, em Autazes, cria gado para produção de leite e disse que sempre busca novos conhecimentos sobre a atividade produtiva.

“Nossa maior dificuldade é a falta de conhecimento. Precisamos conhecer novas tecnologias para melhorar a nossa produção, e a renda”, destacou ela.

Seminário no interior

As formações também chegam ao interior do Estado. No último sábado (8) o I Seminário de Pecuária de Corte e Leite aconteceu em Santo Antônio do Matupi, Manicoré, durante a Expomat. Nesta segunda (10) aconteceu em Manaus e na quarta (12) vai a Parintins. Em todas as localidades, acontecem os três painéis: 1 – Pecuária de Corte; 2 – Pecuária de Leite; 3 – Biotecnologias Voltadas à Reprodução Animal.​

Roberto Brasil