Semmasdh está preparada para prestar ajuda em caso de grande cheia em Manaus

By -

Sec. Elias Emanuel

Da Redação – Nesta sexta-feira (24), o secretário Elias Emanuel, titular da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Direitos Humanos (Semmasdh), concedeu entrevista ao Blog da Floresta para falar sobre as ações que vem sendo realizadas pela sua pasta em relação a vários temas como a cheia que está atingindo a capital amazonense, bem como os relativos a exploração do trabalho infantil, entre outro temas.

Uma vez que Manaus tem sofrido com as fortes chuvas nos últimos meses isso vem assustando, principalmente, a população que vive em áreas de risco da cidade. Por conta dos problemas gerados, Elias Emanuel afirmou que sua secretaria está em compasso de espera sobre se acontecerá a grande cheia.  “Estamos aguardando o alerta de enchente que deve sair agora no final desse mês (31), mas desde o dia 27 de dezembro do ano passado após uma grande chuva aqui em Manaus temos equipes em alerta para qualquer tipo de calamidade.

Ele também explicou sobre existe uma ajuda financeira às famílias atingidas por problemas desta natureza. “Temos aqui um benefício eventual que é o auxílio-aluguel que paga R$ 300 reais para cada família e que hoje são um total de 769. Além disso, damos também da assistência à essas famílias com a entrega de cestas básicas, roupas e gêneros de primeira necessidade”, frisou.

Outro problema de responsabilidade da Semmasdh é o combate à exploração do trabalho infantil. Além do disque-denúncia, outros recursos tem sido utilizados para enfrentar essa questão. “Fizemos uma grande campanha durante o último carnaval no combate à exploração sexual e também ao trabalho infantil. Mobilizamos mais de 800 profissionais nesse trabalho, atingindo todas as bandas da cidade. Além disso, os nossos CRAS atenderam quase que 160 mil pessoas só no ano passado. É uma maneira dos nossos centros de referência e assistência ajudarem no combate ao problem. Portanto, não é uma coisa esporádica de campanha, mas é a rotina de todos os dias”.

Outro tema importante é o desmembramento da subsecretaria de juventude da secretaria de esportes. “Hoje temos uma subsecretaria de juventude atuante na cidade que está alocada dentro da secretaria municipal de juventude. O prefeito Artur Neto ventilou a possibilidade de trazer a subsecretaria de juventude para cá. Temos alguns equipamentos que poderiam somar muito bem com a subsecretaria de juventude, como por exemplo o CSU do Parque 10. É uma ferramenta que a gente poderia somar no trabalho dessa pasta.”, finalizou. (Roberto Brasil)

Roberto Brasil