Seduc conclui atividades educacionais desenvolvidas no mês dos Povos Indígenas

By -

indigenas-seduc-01Ressaltar a diversidade étnica e cultural do Amazonas por meio de ações pedagógicas e culturais foi o foco das atividades desenvolvidas pela Secretaria de Estado de Educação (Seduc) durante o “Mês dos Povos Indígenas”. Em todo o decorrer do mês de abril, atividades foram realizadas em escolas públicas estaduais na capital e no interior.

Com o tema “Somos iguais e diferentes na diversidade amazônica: Conhecendo, valorizando e respeitando”, a Seduc promoveu ações educacionais direcionadas a professores e alunos, enfatizando a importante contribuição dos povos indígenas para a formação da identidade regional e nacional.

indigenas-seduc-03Segundo a gerente de Educação Escolar Indígena da Seduc, Alva Rosa Vieira, como ocorre em todos os anos, a Secretaria mobilizou toda a comunidade escolar para resgatar a importância da cultura indígena em nossos dias. “Promovemos ações pedagógicas e culturais evidenciando a diversidade étnica e cultural existente no Amazonas e ressaltando sua importância social e política na construção da cultura amazonense, além de mobilizarmos os alunos das escolas da rede estadual com concursos de redação, vídeos, histórias em quadrinhos e desenhos”, informou Alva Rosa, evidenciando a participação efetiva de todos.

Após 30 dias de atividades, o encerramento das programação ocorreu na última quinta-feira (30), em Manaus, no auditório da Universidade do Estado do Amazonas (UEA). O evento foi marcado por apresentações culturais de escolas representantes de todas as Coordenadorias Distritais de Educação da Seduc, além de premiação concedida aos alunos vencedores dos concursos educativos de redação, vídeo, história em quadrinhos e desenho.

indigenas-seduc-02Escola Frei Silvio Vagheggi 

Ainda como parte das comemorações dedicadas ao Mês dos Povos Indígenas, a escola estadual Frei Silvio Vagheggi, localizada no centro de Manaus, realizou nesta semana a quarta edição da Exposição de Arte Indígena, que teve como tema “Valorizando os donos da terra”.

Conforme a gestora da escola, professora Auxiliadora Farias, o objetivo do projeto é levar os alunos ao conhecimento e à valorização dos povos indígenas. “Como em todos os anos, desenvolvemos um trabalho de pesquisa com nossos alunos acerca de 12 etnias, evidenciando seus costumes, a história, os rituais, as línguas e a relação antropológica dos povos. Sensibilizar os alunos quanto ao verdadeiro valor da arte indígena, destacando a importância de valorizar e reconhecer toda a contribuição que esses povos exercem em nosso cotidiano, em nossas raízes, foi o nosso principal objetivo”, informou a gestora.

indigenas-seduc-04Para a aluna do 2º ano do ensino médio da escola Frei Silvio, Bruna Rodrigues, participar do projeto foi uma experiência enriquecedora. “Para desenvolver essa atividade, fizemos um trabalho de pesquisa para conhecer os rituais e hábitos culturais das diferentes etnias. Foi uma experiência totalmente nova”, explicou a estudante.

Roberto Brasil