Seduc capacita professores para uso dos aplicativos Google Educação

By -
Os encontros agora serão em ambiente virtual e/ou on-line

Os encontros agora serão em ambiente virtual e/ou on-line

Para capacitar os professores da rede estadual para a utilização dos novos recursos tecnológicos disponibilizados pelo projeto Google Educação, a Secretaria de Estado de Educação (Seduc) está promovendo a formação destinada aos educadores e futuramente para alunos monitores.

A primeira etapa de capacitações teve início na última semana, no Centro de Formação Profissional Padre José de Anchieta (Cepan), no conjunto Japiim, zona sul de Manaus, e reuniu, inicialmente, um grupo de 21 educadores, representantes de todas as Coordenadorias Distritais de Educação de Manaus. A partir desta semana, as formações serão realizadas em encontros em ambiente virtual e/ou on-line.

Resultado da parceria entre o Governo do Estado e a multinacional Google, o projeto Google Educação (Google Education) beneficiará mais de 16 mil professores e 450 mil alunos da rede estadual de ensino do Amazonas, que passarão a utilizar ferramentas tecnológicas educacionais feitas para a internet pela multinacional.

GOOGLE-EDUCAÇAO-SEDUC-02A diretora do Centro de Formação Profissional Padre José de Anchieta (Cepan) da Seduc, Regina Marieta Chagas, informou que as capacitações são um importante passo para consolidar o uso do novo recurso. “Nós precisamos qualificar os professores para o uso dessas ferramentas em sala de aula. Muitos dos nossos alunos conhecem e utilizam muito bem essas novas tecnologias e o professor precisa ter as habilidades para enxergar no manuseio dessas ferramentas a possibilidade de trabalhar os conteúdos da educação básica da melhor forma possível. Esse é nosso maior objetivo”, destacou Regina Marieta.

De acordo com um dos professores que coordenam as formações, Tiago Barbosa, essa formação inicial trabalhará os principais conceitos e ferramentas que o professor tem à sua disposição, sempre associando ao uso pedagógico. “Nesse primeiro momento os professores passaram por uma formação piloto e tiveram acesso aos conteúdos e ferramentas disponíveis, como o Google Drive (para documentos, planilhas e apresentações), Google Agenda, Google Acadêmico, Google Books, dentre outros”, explicou o professor.

Segundo a diretora do Cepan, serão programados outros encontros para avaliar as perspectivas e considerações dos professores acerca do conteúdo disponibilizado. 

Benefícios – Os professores serão os primeiros a ter acesso ao conteúdo através de uma conta pessoal e de um e-mail particular. Pela conta, o usuário acessa os conteúdos e ferramentas disponíveis, dentre os quais: Google Drive (para documentos, planilhas e apresentações), Google Agenda, Google +, Google Translater (tradutor), Google Maps, Google Acadêmico, Google Books, dentre outros.

Roberto Brasil