Sancionada Lei que cria Conselho Municipal de Juventude

By -
Essa foi uma vitória muito menos do meu governo e bem mais da juventude, destacou Artur Neto

Essa foi uma vitória muito menos do meu governo e bem mais da juventude, destacou Artur Neto

A 3ª Conferência Municipal de Juventude, realizada pela Prefeitura de Manaus, reuniu, neste sábado, 15, diversos grupos de lideranças jovens no auditório da Faculdade de Estudos Sociais, da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), localizada na zona Leste da capital. Durante o encontro, o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, sancionou a Lei que cria o Conselho Municipal de Juventude.

artur-lei-cmj-1“Aqui há grupos que divergem livremente entre eles, mas que souberem conviver pacificamente para criar esse Conselho. Essa foi uma vitória muito menos do meu governo e bem mais da juventude, que conta agora com um instrumento para balizar suas cobranças por políticas públicas em benefício dos jovens”, destacou o prefeito.

O Conselho Municipal de Juventude é paritário e composto por 15 membros do poder público e mais 15 da sociedade civil organizada. A presidência será rotativa, sendo dois anos de mandato para um membro do poder público e dois anos para um representante da sociedade civil.

artur-lei-cmj-2“Foi um Conselho construído a várias mãos, discutido em duas audiências públicas de ampla divulgação, que resultou em um projeto de lei participativo e que agora ganha autenticidade para que os jovens possam opinar nas decisões importantes na construção das políticas públicas para juventude”, ressaltou o subsecretário municipal de Juventude, Esporte e Lazer (Semjel), Rodrigo Guedes, que também respondeu pela coordenação da Conferência.

O próximo passo é o lançamento de um edital, que irá compor o Conselho Municipal de Juventude, conforme os segmentos da sociedade escolhidos para formação das cadeiras. A escolha também obedecerá o critério de eleição. 

artur-lei-cmj-33ª Conferência Municipal de Juventude

O tema geral deste ano foi “As várias formas de mudar o Brasil”, no qual a Comissão Nacional da Juventude quer saber “Como você muda o Brasil? A sua cidade? O seu bairro?”. Debates sobre a reforma política e a participação popular; Saúde, esporte e lazer; Segurança e redução da maioridade penal; Gênero, diversidade e igualdade; Desenvolvimento educacional e profissional e educacional; entre outros assuntos nortearam a Conferência, que também elegeu 150 delegados, que representarão o Município durante a etapa estadual do evento, a ser realizado no mês de outubro.

Roberto Brasil