Reunião da Codam avalia 15 projetos indústriais

By -

codam-reuniaoUma pauta com 15 propostas de produção industrial equivalente a R$ 597 milhões e previsão de 854 empregos são avaliadas pelo Conselho de Desenvolvimento do Amazonas (Codam), nesta quinta-feira, (30), no auditório da Secretaria de Estado de Planejamento, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação (Seplancti), Praça 14 de Janeiro, zona sul de Manaus. 

Até o momento o Conselho avaliou 63 projetos e investimentos previstos em R$ 2.725 bilhões. A projeção é de 3.793 novos empregos quando os empreendimentos estiveram efetivamente em operação. 

Um dos projetos apresentados é da Digitron para a produção de notebook, disco magnético e unidade digital de processamento no valor de R$ 502 milhões. A empresa se compromete a criar 220 empregos. 

A Cal Comp encaminhou projeto para a produção de bens de informática e unidade de processamento de pequeno porte estimado em R$ 35 milhões com 187 vagas no mercado de trabalho. A Motocargo pretende aprovar projeto para a fabricação de triciclos e ciclomotores com recursos de R$ 24 milhões. 

Balanço 

Na reunião anterior, realizada em maio, do total de 24 projetos incluídos na pauta, relacionava investimentos de R$ 830 milhões e geração de 1.235 vagas no mercado de trabalho, apenas um foi retirado de pauta, a pedido da própria empresa, para nova análise técnica, o da A M Química e Comércio Produtos Químicos, para a produção de bebidas não alcoólicas, com recursos estimados em R$ 1,5 milhão.

Projetos para a produção de  telefone celular, tablets e HDs foram destaques na pauta de projetos aprovados do Conselho, entre os quais o da empresa Transire para a fabricação de telefone celular digital e terminal de captura de dados com investimentos de R$ 49 milhões. A Semp Toshiba aprovou projetos para a produção de dispositivo de cristal líquido para televisor com recursos de R$ 97 milhões.

Roberto Brasil