Restaurantes de flutuantes da orla de Manaus recebem ação da Visa Manaus

By -

fiscalizacao-visa-manaus-restaurantes-flutuantes 01Fiscais da Vigilância Sanitária da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) realizaram uma ação de inspeção em quatro restaurantes de flutuantes localizados nos rios Tarumã e Tarumã-Açu, zona rural de Manaus.

O trabalho compreende a avaliação de itens que compõem um check-list, que integra as atividades de rotina realizadas pela Visa Manaus, com a finalidade de assegurar as condições sanitárias exigidas pela legislação brasileira às populações da região e aos visitantes que estarão na cidade participando das competições e jogos previstos no calendário da Olimpíada 2016.

fiscalizacao-visa-manaus-restaurantes-flutuantes 02“É uma das preocupações do prefeito Arthur Neto que, não só os visitantes, mas também moradores da cidade tenham serviços de qualidade e alimentação segura, preparada dentro das normas sanitárias. A orientação é eliminarmos os riscos e é isso que nossos fiscais estão fazendo nessa ação”, explicou o titular da Semsa, Homero de Miranda Leão Neto.

A empresária Ana Maria Sconamiglio, proprietária de um flutuante no rio Tarumã-Açu, elogiou a iniciativa da prefeitura porque, como ressaltou, é uma ação preventiva. “Acho importante. Além de estarmos sempre lidando com o público e trabalhando com alimentos, temos que estar preparados para receber o maior número de pessoas, principalmente estrangeiros, que vão divulgar o nome do nosso País lá fora. Nós, empresários do ramo de alimentação, acabamos por fazer as coisas achando que estamos fazendo o melhor, só que nem sempre ‘o melhor’ é o correto. Então, essas orientações que estamos recebendo são de extrema valia para nosso serviço”, assegurou.

fiscalizacao-visa-manaus-restaurantes-flutuantes 03De acordo com a gerente de fiscalização em serviços da Visa Manaus, Ingrid Correa, a iniciativa tem sido bem aceita pelos empresários e a resposta à ação, no geral, é positiva. “Inicia com o monitoramento, orientação e posteriormente a gente verifica as irregularidades, lavra-se o auto de infração e o termo de infração, concedendo prazo para que eles possam se adequar de acordo com a legislação sanitária”, ressaltou Ingrid.

A gerente explicou, ainda, que normalmente ocorre essa adequação e que, em alguns casos, dependendo da irregularidade, esse prazo inicial de 30 dias pode ser estendido por mais 30 dias.

fiscalizacao-visa-manaus-restaurantes-flutuantes 04Atesto Sanitário   

As ações acontecem de forma simultânea, em várias partes da cidade. Cinco equipes com quatro fiscais cada uma estão realizando, nos turnos da manhã e tarde, a fiscalização de hotéis, motéis, restaurantes, bares, pontos de venda de açaí e cafés da manhã.

São alvos de avaliação nos estabelecimentos, a vistoria de piso, parede e teto; utensílios, móveis, geladeiras e freezers, colchões, lençóis e rouparia íntegros; uniforme completo dos funcionários e EPIs (Equipamentos de Proteção Individual); condições sanitárias pessoais dos manipuladores; documentos pertinentes a licença em local visível e válido; aplicação dos serviços de controle de pragas; banheiros higienizados e equipados com água, sabão líquido e toalhas adequadas em número suficientes para ambos os sexos.

fiscalizacao-visa-manaus-restaurantes-flutuantes 05Também é exigida a apresentação de planilha de treinamento dos funcionários sobre higienização das mãos; atestados de saúde dos funcionários; ciclo de monitoramento dos resíduos, coleta, segregação e destinações adequadas; acondicionamento adequado dos alimentos; controle de água de consumo e serviços; integridade dos alimentos em relação à qualidade, validade e exposição.

Uma das novidades nesta inspeção é que o resultado fornecido no mesmo dia, uma vez que cada grupo de fiscais está utilizando um tablet para o envio das informações online.

Roberto Brasil