Representantes dos Ipem´s do Norte/Nordeste se reúnem para discutir a crise econômica

By -

Representantes dos órgãos delegados do Norte e Nordeste

O encontro foi realizado na manhã desta quarta-feira, dia 2 de março, na sede do Instituto de Pesos Medidas de Pernambuco (Ipem-PE), e teve por objetivo discutir sobre a crise enfrentada pelos Institutos de Pesos e Medidas devido ao contingenciamento de recursos do Governo Federal – Inmetro para o custeio de todas as unidades regionais do Instituto e buscar alternativas para enfrentá-la.

De acordo com o Presidente do Ipem-PE, Pedro Paulo “estamos hoje reunidos aqui para encontrarmos um caminho e sensibilizar o Governo Federal da importância da nossa atividade. Sem os nossos fiscais nas ruas o consumidor brasileiro está entregue à própria sorte. Sem a livre concorrência balizada através das normas às quais temos o dever de fiscalizar a economia é prejudicada.”

Presidente do Ipem AM participa de encontro para discutir a crise economica

Durante o encontro foi possível trocar experiências e discutir a importância da manutenção das atividades dos órgãos delegados, na área da metrologia e de fiscalização de bens e produtos, pois a produção deste trabalho reflete diretamente nas áreas de saúde, segurança, transporte, relações de consumo, economia entre outras.

Para o representante dos órgãos delegados do Norte e presidente do Ipem Amazonas, engenheiro Márcio André Brito, o encontro fortalece a união entre os estados do Norte e Nordeste na luta contra o contingenciamento que “interfere diretamente na nossa atividade fim deixando a população desassistida nas relações comerciais, o que abre portas para mal empresários praticarem fraudes”.

Outra questão levantada pelos presidentes dos órgãos delegados foi de que as atividades desenvolvidas pelos institutos metrológicos mostram-se “superavitárias” e “autossustentáveis”, e que a manutenção do pleno atendimento poderá gerar ainda mais recursos para a União. “Em meio a todas essas dificuldades que enfrentamos desde o ano passado juntar forcas para discutir uma estratégia e apresentá-la ao Inmetro e ao Ministério solicitando providencias em relação aos repasses para garantir a continuidade do nosso trabalho de proteger o consumidor e as relações comerciais, fortalecendo a economia”, alertou Danylo Monteiro, representante dos órgãos delegados do Nordeste e Presidente do Instituto Metrológico do Piauí.

Participaram da reunião os órgãos: Ipem-PE, Ipem-AM, Ipem-Fort, Inmeq-MA, Inmeq-PB, Ipem-RN, ITPS-SE e Inmeq-AL.

Mario Dantas