Reportagem do Fantástico abordará o lado escuro de uma guerra política no Amazonas

By -

fantástico2

O Amazonas estará no Fantástico deste domingo. Em ‘nova’ reportagem desta vez, sobre um suposto esquema para derrotar o senador Eduardo Braga na última eleição, a história desta vez, irá desdobrar uma suposta ação dos oficiais da Polícia Militar, contra uma suposta equipe de campanha de Eduardo Braga. A reportagem irá detalhar através de escutas telefônicas, um possível transporte de dinheiro não contabilizado em campanha, que supostamente seria usado na campanha eleitoral do senador Eduardo Braga.

A reportagem irá ao ar mesmo não mostrando provas materiais, isto é, sem apresentar sequer um boletim policial, dando conta do roubo. Toda a reportagem será baseada apenas em escutas telefônicas, realizadas, segundo a reportagem, pela Polícia Federal. Uma equipe da Rede Globo esteve alguns dias em Manaus, realizando esta reportagem que será finalmente exibida na noite deste domingo.

GOVERNADOR JOSÉ MELO É O ALVO

A Rede Globo irá utilizar a reportagem de forma parcial com a intenção de macular, o governo de José Melo a uma suposta ação com o objetivo de impedir a chegada de um dinheiro, que não foi contabilizado na campanha do senador Eduardo Braga, que seria possivelmente utilizado para pagamento de cabos eleitorais e compra de votos por parte do então candidato Eduardo Braga. Toda a reportagem será direcionada única e exclusivamente voltada para tentar prejudicar o governador José Melo.

EDUARDO BRAGA CADA DIA MAIS FRACO

É cada dia mais difícil a situação política do senador Eduardo Braga, afogado em uma sequencia de erros de posicionamentos político, a liderança do ex-governador é cada dia menor, e poderá ser refletida bastante neste próximo pleito eleitoral, para a escolha de prefeitos e vereadores. Eduardo Braga caminha para um bombardeio político dos mais difíceis de resistir, a “OPERAÇÃO LAVA JATO” que estampará os números milionários de uma suposta cobrança de propina, na construção da Arena da Amazônia e também na Ponte do Rio Negro. Recentemente nomeado para ser relator do orçamento do governo TEMER, o senador pode ter caído no golpe de seu partido que não viu com bons olhos seu afastamento na votação do impedimento de Dilma Roussef. Com o cargo de relator Eduardo Braga passará a ser figura constante nas páginas dos jornais brasileiros atraindo para sí os olhos de todos os seus inimigos, que deverão acelerar ainda mais, as investigações na OPERAÇÂO LAVA JATO onde é citado como “Menino da Floresta”.

A repercussão da reportagem do Fantástico

Somente após a divulgação da reportagem, poderemos dimensionar as consequências que elas poderão causar, no Amazonas. Tudo pode acontecer diferente do que se imagina, e nada impede do tiro sair pela culatra, e os efeitos esperados não surtirem os efeitos que se pretendiam, então vamos aguardar pra observar os efeitos que poderão ser causados a partir de hoje.//Chaguinha de Humaitá

Mario Dantas