Qualificação profissional terá 180 mil vagas em 2015 no Cetam, anuncia governador José Melo

By -
Com essa nova unidade, será possível ampliar os serviços e fazer um trabalho cada vez mais articulado”, frisou o governador

“Com essa nova unidade, será possível ampliar os serviços e fazer um trabalho cada vez mais articulado”, frisou o governador

O Governo do Amazonas deve abrir este ano mais de 180 mil vagas para qualificação profissional de jovens e adultos. O planejamento do programa de cursos, que começam em maio, foi anunciado pelo governador José Melo nesta terça-feira, 14 de abril, durante a inauguração da nova sede administrativa do Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam), no bairro Dom Pedro, zona centro-oeste. Ao defender a postura firme do Estado em enfrentar os desafios da carência de mão de obra qualificada, José Melo anunciou investimentos de R$ 15 milhões na construção de duas novas escolas do Cetam nas zonas norte e leste de Manaus.

cetam-jose-melo-inauguraçao-01Além de ampliar o número de vagas, o Governo definiu que a programação de cursos estará cada vez mais alinhada às necessidades do mercado de trabalho. Uma das novidades nesse processo será a inclusão de representantes do setor produtivo nos conselhos que discutem a programação de cursos do Cetam e da Universidade do Estado do Amazonas (UEA). Com a determinação, o governador espera que a indústria, o comércio e o setor primário se integrem e apontem suas maiores demandas, melhorando a absorção de trabalhadores.

cetam-jose-melo-inauguraçao-06“Os empresários é que vão indicar os cursos com necessidade imediata no mercado de trabalho. Teremos enormes desafios nos próximos quatro anos e preciso de um Cetam mais presente e de vanguarda, que continue proporcionando os cursos que já desenvolve, mas que crie novos. No interior, por exemplo, foi com o Cetam que conseguimos suprir a necessidade de auxiliares de enfermagem”, disse o governador.

A integração com o setor produtivo é o que norteia também a abertura de duas novas Escolas de Educação Profissional do Cetam em Manaus. Anunciadas pelo governador José Melo, as unidades concentrarão cursos por segmentos econômicos. Os projetos estão em fase de elaboração e as licitações devem acontecer no segundo semestre, com previsão de obras para o final do ano. No bairro da Galileia, zona norte, será instalada a escola especializada em cursos para o comércio e serviços. No bairro São José, zona leste, a unidade direcionada à indústria.

cetam-jose-melo-inauguraçao-02Em 12 anos de funcionamento, o Cetam alcançou a marca de 1 milhão de pessoas qualificadas. Atualmente, o centro possui 350 cursos na modalidade de qualificação profissional e outros 65 cursos técnicos oferecidos em todo o Estado. A programação de novos cursos começa em maio, com a abertura inicialmente de 19 mil vagas em todo o Estado. Entre as ações, está o programa Oportunidade & Renda, que além da profissionalização estimula o empreendedorismo.

Para os próximos quatro anos, José Melo afirmou que a meta é construir 15 núcleos do Cetam em municípios do interior. O órgão de qualificação está presente em todo o Estado, mas possui unidades próprias em apenas três municípios. Nas demais localidades, funciona através de parcerias com a UEA, escolas públicas, igrejas e ONGs.

cetam-jose-melo-inauguraçao-03Nova Sede – Durante a abertura da nova sede administrativa do Cetam, José Melo destacou a importância do órgão dentro da estrutura educacional do Estado. A cerimônia contou com a presença da primeira-dama do Estado, Edilene Gomes de Oliveira, do vice-governador Henrique Oliveira, e de representantes da indústria, comércio e serviços, além de secretários de governo e deputados estaduais.

“O Cetam faz um trabalho fundamental de preparação dos jovens e da população em geral para o mercado de trabalho. Com essa nova unidade, será possível ampliar os serviços e fazer um trabalho cada vez mais articulado”, frisou o governador.

cetam-jose-melo-inauguraçao-04Com investimentos de R$ 7,5 milhões, a nova sede do Cetam marca mais uma etapa do processo de consolidação institucional que, segundo José Melo, é fundamental para expandir a capacitação de recursos humanos no Estado, refletindo na geração de emprego e renda. Outros avanços para o órgão vieram com a promulgação da Lei de Cargos e Remuneração dos Servidores, a criação dos cargos de provimento efetivo da instituição e com a realização do Concurso Público, cujo resultado final foi homologado em novembro de 2014.

O prédio conta com estrutura moderna de 30 ambientes, além de auditório e refeitório, para oferecer melhores condições de trabalho aos servidores e, principalmente, garantir um melhor atendimento à sociedade e às instituições parceiras provenientes do terceiro setor e do setor empresarial.

Dentre os variados cursos de qualificação gratuitos ofertados destacam-se: Almoxarife, Balconista de Farmácia, Corte e Escova de Cabelos, Confeitaria, Eletricista, Informática Básica e Avançada, Leitura de Componentes Eletrônicos, Manicure e Pedicure, Operador de Caixa, Recepcionista, entre outros.

No segmento de formação técnica de nível médio, são ofertados aproximadamente 65 diferentes cursos, dentre os quais: Técnico em Enfermagem, Segurança do Trabalho, Logística, Qualidade, Produção de Moda, Saúde Bucal, Agronegócios, Edificações, Imobilização Ortopédica, Recursos Pesqueiros, Meio Ambiente, Construção Naval, além dos cursos de Especialização Técnica.

Roberto Brasil