Projeto Santa Bola realizou Torneio da Amizade no Viver Melhor

By -

projeto-santa-bola-viver-melhor-01O ‘Torneio da Amizade’ foi realizado na última segunda feira (25), com crianças e adolescentes do Projeto Santa Bola, do Residencial Viver Melhor, bairro de Santa Etelvina, zona norte de Manaus. O objetivo foi à interação dos integrantes de duas comunidades próximas. Estiveram no evento: o Secretario de Estado da Juventude, Esporte e Lazer, Ricardo Marrocos, a vereadora Vilma Queiroz e o comandante da 26º  CICOM, Cap, Wagner Alves.

De acordo com o treinador, Prof. André de Lima, o torneio realizou-se com integrantes de duas faixas etárias, as de 07 a 12 anos, que formaram sete times, e outra com integrantes de 13 a 16 anos que formaram três times, somando um total de dez times. Os prêmios para o primeiro e segundo lugar foram um troféu e medalhas.

Leunilza Monteiro, mãe de um dos integrantes, Ricardo de 10 anos, disse “ é uma bençã o projeto, meu filho participa desde 2013, é excelente, pois tira ele da rua, está mais focado no estudo e no esporte, ele é muito esforçado, gosta muito e eu não tenho preocupação”.

projeto-santa-bola-viver-melhor-02O monitor e voluntário, Cristiano dos Santos Moreira, foi quem se dedicou desde o inicio, em 2012, junto aos soldados da PM, o esforço de todos conseguiu realizar o projeto Santa Bola, hoje, ele continua treinando os alunos dando auxilio ao professor nos treinos de futsal das crianças, princípio básico do futebol. “No começo as crianças eram horríveis no comportamento, mas aconselhamos o respeito principalmente aos pais e agora eles ajudam nos afazeres em casa e mudaram seu comportamento para melhor” disse ele.

Afirmou ainda que a disciplina é fundamental e a PM sabe disso. O Secretário, Ricardo Marrocos disse “conheço o projeto Santa Bola, vim conhecê-lo com a vereadora Vilma Queiroz, é muito importante este tipo de projetos para que as crianças ocupem seu tempo em atividades saudáveis como o esporte, estaremos apoiando para incrementar e fomentar em outras categorias”.

projeto-santa-bola-viver-melhor-03Demandas

“Infelizmente não temos como acompanhar a alimentação deles para a preparação física, mas no acordo com os pais é que os alunos venham para o treino alimentados”, disse o soldado Leandro Henrique. E reconhece que seria fundamental uma merenda, após a preparação física. Explicou ainda, que as reuniões periódicas com os pais servem para acompanhar e se informar sobre alguma dificuldade dos alunos, especialmente no estudo, determinante para que o aluno participe do treino físico, se não tiverem boas notas, não podem jogar bola.

Não se conta ainda com um psicólogo, por tanto são os professores que observam quando os alunos se mostram rebeldes e às vezes, a causa são os problemas dentro da família que acabam refletindo no desempenho da criança, outras dificuldades são viroses e gripes. A principal demanda é o material (bola, sapatos esportivos, tatame e outros) para a preparação física.

O projeto Santa Bola é dirigido pelo comandante da 26a CICOM, Cap. Wagner Alves, tem caráter social e acompanhamento às crianças em seu desenvolvimento físico e intelectual. A preparação física é quase diária dos alunos (2ª a 5ª ), são 300 crianças beneficiadas com o projeto, além de receber orientação para serem bons cidadãos, os treinadores pertencem ao Ronda do Bairro da Policia Militar, estes trabalham com valores como respeito, igualdade, disciplina, dentre outros. “logo no inicio era difícil, muitos tiveram dificuldade, mas logo se habituaram, explicaram os professores. (Mercedes Guzmán)

Roberto Brasil