Professores da zona rural participam de formação para levar nova temática a alunos da Educação Infantil

By -
Esta foi a terceira formação do Pesc da Divisão Rural da Semed

Esta foi a terceira formação do Pesc da Divisão Rural da Semed

Gestores e professores de 22 escolas municipais da Divisão Distrital Zonal (DDZ) VII, da Secretaria Municipal de Educação (Semed), participaram nesta terça-feira, 9, da Formação do Programa de Ensino Sistematizado das Ciências (Pesc). Os educadores vão trabalhar em sala de aula com alunos da Educação Infantil o projeto “Bichos do Amazonas”. A formação aconteceu na Escola Municipal São Francisco, localizada na comunidade São Francisco, na Costa do Tabocal, no Rio Amazonas.

Esta foi a terceira formação do Pesc da Divisão Rural da Semed, beneficiando educadores que trabalham no Rio Amazonas. A primeira ocorreu em março, com 24 unidades de ensino da área rodoviária da AM-010 (estrada que liga Manaus a Itacoatiara) e BR-174 (Manaus –Boa Vista). A segunda qualificação aconteceu com a participação de 28 professores do Rio Negro.

educacao-infantil-zona-rural-curso-02O projeto Bichos do Amazonas vai trabalhar com os animais selecionados em três grupos: os que voam; os animais que nadam; e os animais terrestres. A escola vai realizar com os alunos um estudo científico, em que cada unidade vai selecionar três bichos para trabalhar.

As crianças vão construir uma ficha técnica com as características de cada bicho, seus hábitos alimentares, de convivência, sua importância ecológica e se está ameaçado de extinção. Os textos serão construídos oralmente e anotados pelos professores. As crianças ainda entregarão ilustrações dos animais a serem selecionados para entrar no livro.

“A formação é extremamente importante. Por meio dela, os professores, gestores e pedagogos vão ter conhecimento mais profundo sobre os bichos. O importante é passar as informações em uma linguagem bem simples e direta para que as crianças possam entender qual a função dos bichos no meio ambiente e como podem ser preservados”, explicou a chefe da Divisão da Educação Infantil da Semed, Izane Souza.

educacao-infantil-zona-rural-curso-01De um total de 87 escolas municipais, a DDZ Rural conta com 76 unidades que já trabalham o Pesc com os alunos da Educação Infantil. Para a coordenadora da modalidade de ensino da Divisão, Maria do Socorro Silva, a formação do Pesc vem para contribuir com uma clientela que mora e estuda em áreas diferenciadas.

“Essa metodologia veio para colaborar com o processo de aprendizagem da criança. O aprendizado da Educação Infantil se faz em um processo de construção e o programa Pesc ajuda muito nesse sentido, de dar liberdade para criança produzir”, explicou.

Graduado em Ciências Naturais pela Universidade Federal do Amazonas (Ufam), o tutor do Pesc da DDZ II Oeste, Gabriel Muca, explicou como os educadores podem trabalhar em sala de aula com os alunos, levando o conhecimento sobre a temática do programa.

educacao-infantil-zona-rural-curso-05“A ideia é explicar para os educadores como vai ser o programa, qual é a função e a importância de trabalhar com crianças de 4 e 5 anos. O tema dos animais desperta o interesse das crianças porque foca nos bichos da região, em levar conhecimento científico, em situações que eles já conseguem observar em seu próprio ambiente”, informou.

A professora da Escola Municipal Luís Alberto Castelo, Ivana Carolina Nunes de Assis, da comunidade do Caramuri, localizada no baixo Rio Preto da Eva, no Rio Amazonas, disse que o programa vai atender nove alunos de sua escola da Educação Infantil. “É fantástico esse projeto dos bichos do Amazonas, pois ele pode mostrar às crianças o  habitat natural dos animais dentro da comunidade. Elas vão poder observar quais são os animais próximos de seu ambiente. A partir dessa avaliação, elas (as crianças) podem aprender um pouco mais sobre os costumes, sobrevivência e ajudar na preservação da natureza”, salientou.

educacao-infantil-zona-rural-curso-03PESC

O Programa de Ensino Sistematizado de Ciências (Pesc) foi implantado na rede municipal de ensino de Manaus em 2012, no âmbito da Educação Infantil, e realiza continuamente formações para pedagogos e professores para a utilização de seus materiais, que compreende, além do livro didático interativo e moderno, o uso de uma unidade experimental de ciências e do kit tecnológico, composto pela lousa interativa digital, mapas, jogos digitais e também microscópio. O Pesc mantém ainda tutoras que visitam as unidades e um programa de manutenção contínua de seus materiais.

Roberto Brasil