Professores da UEA participam de capacitação sobre Tecnologias Educacionais

By -

capacitaçao-uea-tecnologias-educacionais-02Até o final desta sexta-feira (12), professores da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) participam da ‘Oficina de Formação dos Docentes em Tecnologias Educacionais Pró-Inovalab Amazonas’. O treinamento o faz parte da implantação do programa que visa promover a modernização e revolução do processo de ensino e aprendizagem na UEA.

A professora do curso de Enfermagem da Escola Superior de Ciências da Saúde (ESA) da UEA, Cassia Rosária da Silva, é uma das participantes. “Com a implementação dessa nova tecnologia, esperamos ingressar num espaço didático junto aos alunos, fazer com que as aulas sejam mais criativas e participativas. Além disso, contar com um feedback maior da relação entre professor e aluno. A tecnologia é isso, inclui dinamismo. É preciso acompanhar e estar atento para a inclusão de nossos alunos nesse processo”, disse a professora. 

capacitaçao-uea-tecnologias-educacionais-01O curso é ministrado pelo Chefe da Disciplina de Telemedicina, Médico do Laboratório de Investigação Médica e coordenador de Projetos do Pró-Inovalab da Universidade de São Paulo (USP), Chao Lung Wen. “O ‘Pró-Inovalab’ é uma iniciativa de motivação dos professores e estudantes para melhorar o grau de aprendizagem dos futuros profissionais. Acima de tudo é um projeto de união que utiliza diversos recursos tecnológicos como objetos digitais de aprendizagem, impressora 3D e um centro digital para produzir novos conteúdos educacionais”, acrescentou Chao Lung. 

O reitor da UEA, Cleinaldo Costa ressaltou que o Pró-Inovalab Amazonas visa consolidar a política de modernização das atividades de ensino e aprendizagem da instituição. “Entre outros objetivos e benefícios que o programa trará, queremos estimular os estudantes de tal maneira que a UEA possa reduzir a retenção nas disciplinas e até mesmo a evasão escolar”, acrescentou o Reitor. 

PRÓ-INOVALAB AMAZONAS

O programa congrega uma plataforma educacional baseada na internet a partir de uma rede de recursos eletrônicos de comunicação. A implantação do Programa é fruto da parceria com a USP. A UEA é segunda instituição de ensino superior da América Latina a adotar o programa. Com essa nova ferramenta, alunos da UEA poderão contar com aulas, exercícios, vídeos e qualquer outro material feito pelos professores para promover o ensino e aprendizagem. Tudo isso estará devidamente organizado em Ambientes Virtuais de Aprendizagem (AVA) e, a qualquer dia e hora, poderá ser acessado por meio de computadores, tablets e até em smartphones.

Roberto Brasil