Professor Gedeão propõe a implantação do ‘Ensino Direcionado’ na Semed

By -

Ver. Gedeão Amorim

A Câmara Municipal de Manaus (CMM) aprovou a tramitação do Projeto de Lei N° 065/2017, que dispõe sobre a implantação do ‘Ensino Direcionado’, nas escolas da Secretaria Municipal de Educação (Semed), apresentado no dia (20) pelo Prof. Gedeão Amorim (PMDB). A metodologia proposta incentiva atividade intelectual do aluno, intensifica a descoberta de seus próprios recursos mentais, facilitando nele o desenvolvimento de suas habilidades.

O Professor Gedeão Amorim que é membro titular da Comissão de Educação da CMM explicou que trata-se de uma Lei que assegura o incremento de uma metodologia de aprendizagem, uma ação indutiva do próprio sistema municipal de educação, e que deve se preparar ao professor e o material didático.

“Podemos pautar esta metodologia nas escolas municipais, é um estudo de indução, o professor deve se preparar para ele motivar o aluno, despertar o interesse de estudar a compreensão do mundo no aluno, monitorando as atividades programadas, não podemos continuar com as mesmas tradicionais metodologias, o processo é progressivo, no paralelo eles vão formando um hábito de responsabilidade, hábitos de estudar e de gostar disto, para adquirir hábitos de criatividade, não apenas cumprir horários ou esperar um trabalho, especialmente nestes tempos de crise. A proposta deve focar em todas as matérias como uma atividade curricular universalizada”.

Segundo o PL 060 de 2017 a grande inovação do método está no fato de não se ensinar ao aluno como resolver o material proposto. Ele é estruturado de forma a fazer com que o aluno solucione os exercícios, sozinho, porque dá uma perspectiva bem mais ampla do que o estudo individualizado.

Incentiva a criatividade

A prática de estudo é marcada por diversos aspectos como a superação das desigualdades educacionais; melhoria da qualidade social da educação; promoção do princípio da gestão democrática da educação pública; promoção humanística, científica, cultural e tecnológica do Município e valorização dos profissionais da educação.

Entre outras características, o estudo direcionado incentiva a atividade intelectual do aluno. A modalidade de ensino também contribui para a criatividade, uma vez que a sua finalidade principal está voltada à atividade da reflexão, e o pensamento reflexivo, de acordo com as circunstâncias do indivíduo, provoca a necessidade de inventar, buscar modos pessoais de operar com inteligência e resolver o que lhe foi proposto.

“Um dos motivos do baixo rendimento escolar reside no fato de se dar aos alunos um atendimento em tempo exíguo. Com a implantação de metodologias iguais a essa se abre espaço para a construção de uma escola pública verdadeiramente democrática que atenda aos interesses e necessidades das camadas mais pobres da população”, finalizou Gedeão. (Mercedes Gusmán, com informações da assessoria)

Roberto Brasil