Presos envolvidos em latrocínio de comerciante na zona Oeste

By -
Os envolvidos conheciam a vitima que foi imobilizada e morta sem chance de defesa

Os envolvidos conheciam a vitima que foi imobilizada e morta sem chance de defesa

O chapeiro Samekes Costa dos Santos, 19; o ajudante de pedreiro Antônio Yuri Lopes Ribeiro, 18; e o desempregado Bruno Souza dos Santos, 18, foram apresentados na manhã desta sexta-feira, dia 21, na sede da 4ª Seccional Oeste, situada na Travessa Hermes Fontes, bairro Compensa 3.

De acordo com a delegada titular da unidade policial, Suely Costa, Samekes e Antônio estavam sendo investigados pelo latrocínio do comerciante João Ferreira da Silva, ocorrido no dia 9 de agosto deste ano, por volta das 4h, na Rua A da Comunidade Campos Sales, bairro Tarumã, zona Oeste da cidade. A vítima tinha 58 anos quando o delito aconteceu.

“Samekes e Antônio conheciam a vítima, que era proprietária de uma panificadora no bairro. João retornava para casa quando foi surpreendido pelos dois infratores, que anunciaram o roubo. Mesmo sem reagir, João foi segurado por Antônio, enquanto Samekes desferiu facadas na vítima. Após o ato, os dois homens fugiram, levando o aparelho celular e R$ 50 em espécie da vítima”, explicou Suely Costa.

Mesmo sem reagir, João foi segurado por Antônio, enquanto Samekes desferiu facadas na vítima, informou a delegada Suely Costa

Mesmo sem reagir, João foi segurado por Antônio, enquanto Samekes desferiu facadas na vítima, informou a delegada Suely Costa

Conforme os policiais civis que participaram das diligências, a dupla foi presa em cumprimento a mandados de prisão expedidos ontem, dia 20, pela juíza de Direito da 4ª Vara Criminal, Margareth Rose Cruz Hoagen.

Circunstâncias das prisões

A autoridade policial ressaltou, durante coletiva de imprensa realizada na manhã de hoje, que Samekes foi preso juntamente com Bruno na última segunda-feira, dia 17, por policiais militares que faziam patrulhamento de rotina pela Avenida Torquato Tapajós, nas proximidades da Comunidade Campos Sales, zona Oeste da cidade.

Na ocasião, eles trafegavam pela via em uma motocicleta com placa contendo restrição de furto. “O fato ocorreu por volta das 5h. Com Bruno os policiais apreenderam um revólver calibre 38. Conduzidos ao 20º Distrito Integrado de Polícia, os infratores confessaram, em depoimento, que pretendiam matar um desafeto de Samekes no bairro Monte das Oliveiras, zona Norte”, declarou Costa.

Ainda na delegacia, Samekes confessou a autoria do latrocínio de João Ferreira da Silva e apontou Antônio Ribeiro como comparsa no delito. O jovem informou aos policiais civis onde estava a faca utilizada no dia do crime. O celular da vítima, que já estava com outra pessoa, que teve a identidade preservada, foi recuperado.

Antônio foi preso pelas equipes do 20º DIP por volta das 17h de ontem, na Avenida Dona Otília, Comunidade Campos Sales, bairro Tarumã, zona Oeste. A delegada Suely Costa disse que as investigações em torno do caso foram iniciadas assim que os familiares da vítima formalizaram a ocorrência.

“Os parentes do comerciante João da Silva procuraram os policiais civis que atuam no 20º DIP, onde passaram informações sobre o crime. Nós já havíamos iniciado as buscas pelos suspeitos e conseguimos elucidar o caso com as prisões em flagrante de Samekes e Bruno na última segunda-feira”, concluiu a delegada.

Samekes e Antônio foram indiciados por latrocínio. Samekes foi autuado ainda em flagrante por furto, juntamente com Bruno. Este último irá responder também por porte ilegal de arma de fogo de uso permitido.

Roberto Brasil