Presa garota de programa que matou jovem no Campos Sales

By -
Cristiane Vilaça desferiu três golpes de faca na vítima, uma atingiu o coração

Cristiane Vilaça desferiu três golpes de faca na vítima, uma atingiu o coração

A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) prendeu, em flagrante, na última quinta-feira, dia 21, por volta de 12h, no bairro Campos Sales, zona Oeste de Manaus, Cristiane Vilaça da Silva, 19, conhecida como “Casqueta”, envolvida no homicídio de Joabe de Souza Moreira, 28, fato ocorrido na manhã do mesmo dia da prisão da autora.

A vítima foi encontrada morta, com resquícios de violência, na quitinete onde ele morava, situada na Rua Dona Otília, bairro Campos Sales, zona Oeste de Manaus. Na ocasião, o corpo estava nu e todo ensanguentado.

De acordo com o delegado titular da DEHS, Ivo Martins, Cristiane revelou que faz sexo em troca de dinheiro e, em depoimento, alegou não conhecer a vítima. “A jovem afirmou que na madrugada em que o crime ocorreu, estava bebendo e usando drogas em um bar, próximo da residência de Joabe, quando foi abordada por um conhecido que sugeriu que ela fizesse um programa com ele e a vítima pela quantia de R$ 50,00”, explicou Ivo.

Ainda em depoimento, Cristiane relata que aceitou a proposta e os três seguiram para um motel, onde mantiveram relações sexuais e consumiram bebidas e drogas. Em seguida, Joabe teria convidado a infratora para ir a casa dele e ela aceitou. Ambos seguiram para a residência da vítima, onde consumiram entorpecentes e voltaram a ter relações sexuais.

Segundo o delegado Ivo Martins, o crime foi elucidado através das imagens de câmeras de segurança

Segundo o delegado Ivo Martins, o crime foi elucidado através das imagens de câmeras de segurança

Na ocasião, Cristiane exigiu o valor do programa que havia sido combinado, mas o jovem teria dito que não tinha dinheiro. Ambos iniciaram uma discussão, momento em que Cristiane pegou uma faca e desferiu três golpes nele, sendo que um desses golpes atingiu o coração. Após o crime, ela tomou banho e saiu do local vestida com a camisa do jovem.

Ainda de acordo com o delegado Ivo, após o homicídio, investigadores da especializada se dirigiram até o local do crime para iniciar as investigações. A polícia coletou imagens de câmeras de segurança de estabelecimentos comerciais próximos, onde era possível ver Joabe entrando na quitinete em companhia de uma mulher, identificada como sendo Cristiane.

De acordo com as investigações da Polícia Civil, a jovem era conhecida no bairro Campos Sales e, conforme relato de testemunhas, ela faz uso de entorpecentes. Após identificar a mulher, os investigadores fizeram uma abordagem nela, a qual confessou a autoria do homicídio.

Cristiane foi conduzida ao Centro de Detenção Provisória Feminino (CDPF), onde permanecerá à disposição da Justiça.

Roberto Brasil