Prefeito visita Mercado Adolpho Lisboa e anuncia ampliação das obras de recapeamento

By -
"O Adolpho Lisboa já se tornou, assim como o Teatro Amazonas, num 'xodó'", afirmou Artur Neto

“O Adolpho Lisboa já se tornou, assim como o Teatro Amazonas, num ‘xodó'”, afirmou Artur Neto

O prefeito de Manaus, Artur Virgílio Neto, visitou neste domingo (31), o Mercado Municipal Adolpho Lisboa, no Centro, que no mês de outubro completará um ano de sua reabertura. Na ocasião, o prefeito afirmou que vai ampliar as obras de requalificação viária para outras zonas da cidade. “Já estamos trabalhando bastante nas zonas Norte e Leste, com apoio do Governo do Estado, mas reavaliando a necessidade das obras, principalmente no que se refere ao trânsito e ao transporte coletivo, resolvi ampliar as ações de recapeamento e tapa-buracos para as zonas Oeste, Centro-Oeste, zona Sul e para algumas ruas da região central”, explicou o prefeito.

De acordo com a Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), foram priorizadas os principais corredores por onde passam ônibus, como as ruas Japurá e Tarumã, no Centro; ruas Rio Branco, 5 de Setembro, Rio Negro e estrada da Compensa, na zona Oeste; avenida J, na zona Centro-Oeste; e ruas Polivalente, General Carneiro e parte da Marciano Armond, na zona Sul.

artur-neto-adolpho-lisboa2Durante a visita ao ‘Mercadão’, o prefeito também anunciou que nos próximos meses irá lançar a licitação para os restaurantes e os espaços Pará e Amazonas para novos permissionários. “O Adolpho Lisboa já se tornou, assim como o Teatro Amazonas, num ‘xodó’ para os turistas e motivo de orgulho do povo manauara e, por isso, é uma espaço, até por todo seu peso histórico, que precisamos cuidar sempre. Aqui percebi que melhorias precisam ser feitas, como a colocação de climatizadores para aliviar o calor do nosso verão. Além disso, sabemos da necessidade de um estacionamento, que vai atrair mais clientes e que até hoje não foi possível por não termos sido atendidos pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). Paleativamente, determinei ao Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans) que nos próximos dias implante aqui uma área de embarque e desembarque”, completou Arthur Neto.

artur-neto-adolpho-lisboa3Quem marcou presença no espaço neste domingo aprovou o funcionamento e organização do Mercado Municipal Adolpho Lisboa, como a advogada carioca Leila Maria Mota, que mora em Manaus há 10 anos. “Aqui é lindo, temos variedade e qualidade de produtos, sem falar no atendimento que é ótimo”, avaliou. “Aqui encontro mercadorias que não têm em outras cidades do país. Estou encantada com a capital e pretendo me mudar para cá em breve”, disse a profissional em Ginástica Rítmica, Hêmily Paes, da cidade de Registro (SP).

Roberto Brasil