Prefeito apresenta projeto para a transferência de camelôs do Centro Histórico

By -

pmm2O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, apresentou, nesta quarta-feira (12), junto ao seu secretariado, o projeto das Galerias Populares e explicou como será o processo de transferência dos camelôs do Centro de Histórico. A apresentação foi feita no auditório da Prefeitura, na Compensa, zona Oeste, para mais de 500 representantes da categoria.

 ???????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????

“O mais bonito de tudo é que estamos fazendo algo em conjunto com os camelôs, que eles entendem que é bom para eles e para Manaus. Isso para mim não tem preço”, afirmou o prefeito, sendo aplaudido pelos presentes.

 

pmm3

No primeiro momento, serão retirados 637 camelôs que atuam na Praça da Matriz, Eduardo Ribeiro e Avenida Sete de Setembro. Segundo o prefeito, os camelôs ficarão em espaços temporários para dar celeridade aos trabalhos de recuperação do Centro Histórico.

 

pmm4

“Temos pressa neste processo porque estamos falando da possibilidade de oferecer o Centro Histórico para os turistas que virão assistir aos jogos da Copa. O que queremos é oferecer a solução para os camelôs e para a cidade, que terá suas calçadas desocupadas e o Centro revigorado”, destacou Arthur.

A Secretaria Municipal do Centro (Semc), com apoio das demais secretarias municipais envolvidas em questões sociais e de ordenamento urbano, já dispõe de três espaços prontos para receber esses trabalhadores – todos no centro da cidade. São 657 vagas divididas entre a galeria provisória da Epaminondas, com capacidade para 233 bancas; a galeria da Floriano Peixoto, com mais 213 bancas; e uma na Miranda Leão, disponibilizando 211 bancas.

A ideia é fazer o cadastramento dos interessados para depois organizar a mudança para os destinos escolhidos por eles. Um sorteio ajudará a definir as lotações, conforme a demanda por cada espaço. O cadastramento será nesta quinta e sexta-feira, 13 e 14 de fevereiro, a partir das 8h, em um posto de atendimento localizado no antigo estacionamento da Rua 24 de Maio com Joaquim Sarmento, onde funcionará uma das galerias definitivas.

Redação