Praça da Matriz é reaberta em grande festa popular com mais de 15 mil pessoas

By -

Em clima de festa e celebração, o prefeito de Manaus, Artur Virgílio Neto, reinaugurou a Praça XV de Novembro, popularmente conhecida como Praça da Matriz, nesta quarta-feira, 15/11. Mais de 15 mil pessoas participaram da abertura de um dos mais tradicionais passeios públicos do Centro Histórico de Manaus, onde sua história se mescla com a fundação da própria cidade.

“A Matriz é um dos principais cartões-postais de Manaus e um cartão de visita muito vivo da cidade. Aqui pulsa a vida da cidade. Hoje demos mais um grande passo no nosso projeto de ressignificação do Centro de Manaus, resgatando e valorizando a nossa história. “Para mim é um sonho e que muito me comove”, disse o prefeito ao entregar, oficialmente, a praça para o povo de Manaus.

Ainda segundo Artur, a prefeitura continuará com as ações de revitalização histórica da capital. “A Praça da Matriz está de pé. Assim como já está pronta a Praça Tenreiro Aranha, que será entregue em breve. Monumento por monumento vamos devolver a beleza originalmente turística de Manaus”, garantiu.

O prefeito, que fez aniversário na data de entrega da Matriz, ficou bastante emocionado durante seu discurso à população. “Não esperem que eu termine essa fala sem me emocionar. Estou profundamente emocionado, muito feliz por esse momento, por trazer essa praça de tantos significados de volta à vida cotidiana da cidade”, afirmou. “De certa forma é um presente para mim também. Eu me sinto presenteado”, finalizou.

A festa de reinauguração da Matriz se iniciou às 16h e se estendeu até depois das 20h, com shows dos artistas Lucilene Castro, Zezinho Corrêa e Nunes Filho. Os cantores se apresentaram num palco montado nas proximidades do Relógio Municipal, considerado o marco zero da Praça. Foram duas horas de show agitando o público presente. Um dos momentos mais emocionantes foi a ‘Celebração de Bênção’, realizada pelo o Arcebispo Metropolitano de Manaus, dom Sérgio Eduardo Castriani, e pelo pároco da igreja Nossa Senhora da Conceição, padre Hudson.

Também participaram da cerimônia a primeira-dama e presidente do Fundo Manaus Solidário (FMS), Elisabeth Valeiko, o vice-prefeito Marcos Rotta, o secretário-chefe da Casa Civil, Arthur Bisneto, o diretor-presidente da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), Bernardo Monteiro de Paula, o coordenador do PAC Cidades Históricas, Rafael Assayag, além de representantes do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), entre outros convidados.

Com projeto arquitetônico elaborado pelo Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb), a Praça da Matriz foi entregue requalificada, resgatando o traçado urbano dos anos de 1930. Os passeios públicos novos e os existentes tiveram seus pisos repaginados, dando continuidade ao tom de pedra de lyoz, que vem da fundação original e existe em certos trechos do espaço. A praça também recebeu obras de infraestrutura no entorno e melhorias no Terminal da Matriz, além de novo paisagismo, preservando o conceito histórico.

Natal do Abraço

Com o acendimento da primeira árvore de Natal, na Matriz reinaugurada, a Prefeitura de Manaus dá início à programação natalina da cidade, que este ano tem como tema o “Natal do Abraço”, que será uma grande mobilização em prol do abraço, do laço, do encontro, do amor e de todos os bons sentimentos que florescem nesta época do ano.

“O prefeito Arthur deu ao Fundo Manaus Solidária a missão de agregar as secretarias municipais, movimentos culturais e a população como um todo para que façamos essa grande mobilização e façamos deste Natal um dos melhores da nossa cidade nos últimos anos”, disse a primeira-dama, Elisabeth Valeiko, que preside o Fundo.

*Com informações da assessoria

Roberto Brasil