Por decisão da justiça, prefeito de Caapiranga reassume o cargo

By -

O prefeito Antônio Ferreira Lima foi recebido com festa por uma multidão na última sexta-feira (10) no porto de Caapiranga, onde foi reconduzido ao cargo de prefeito novamente por decisão da justiça. Pongó, como é mais conhecido, foi afastado no dia 18 de outubro através de uma liminar, tendo o vice-prefeito Moisés Filho assumido a Prefeitura.

Antônio Lima disse que confiou no trabalho da justiça e prevaleceu a vontade do povo de Caapiranga. “Espero que o município volte à normalidade. A justiça foi feita graça a Deus e fico agradecido pela confiança mais uma vez do povo que me elegeu e fica torcendo para eu voltar ao trabalho. Com certeza se votaram em mim é porque confiam no meu trabalho. Portanto, me sinto satisfeito de continuar o meu mandado que foi dado por Deus e pelo povo. Vamos trabalhar para o desenvolvimento de Caapiranga e tocar o barco pra frente”, destacou. 

Segundo informação da Prefeitura, os atos do vice-prefeito que estava no cargo interinamente tornaram-se sem efeito a partir de data em que Antonio Lima reassume a condução do município. Em relação aos recursos e pagamentos de funcionários no período em que o vice esteve deverá prestar contas da sua gestão. 

Pongó informou que o único recurso que utilizou em outubro foi o repasse constitucional para Câmara Municipal, deixando mais R$ 1,3 milhão nas contas da prefeitura e depois o interino recebeu mais de R$ 1 milhão, totalizando 2,3 milhões. Mesmo assim não pagou os funcionários na sua totalidade, bem como os contratos e fornecedores. “Vamos fazer uma avaliação como ficou a contas e se for encontrada irregularidades serão denunciadas”, salientou Antonio Lima.

Roberto Brasil