Ponta Negra terá funcionamento normal no feriado

By -

praia_perene_ponta_negra_doisCom os feriados da Semana da Pátria, e com o desfile cívico oficial acontecendo pela primeira vez no Complexo Turístico Ponta Negra neste domingo, 7 de setembro, a partir das 7h, o local estará aberto à população, com toda a infraestrutura funcionando ao público, da praia ao calçadão, com quiosques, barracas na areia, quadras esportivas e as demais áreas. A única mudança neste dia será na faixa liberada, que não funcionará em razão do evento cívico.O complexo é administrado pelo Instituto Municipal de Ordem Social e Planejamento Urbano (Implurb), tendo uma comissão instalada no local, que se reveza na administração durante 24 horas, em quatro turnos. No feriado, uma média de 20 colaboradores estará auxiliando os trabalhos de orientação aos usuários e fiscalização para manter a praia e o calçadão da Ponta Negra em ordem, em atuação colaborativa com demais secretarias municipais e órgãos se segurança pública.

Boas práticas

Desde 2013, um Corpo Permanente de Segurança atua no Complexo Turístico Ponta Negra para manter o bom uso da praia e a salvaguarda dos banhistas. Os bombeiros delimitam áreas de banho com boias, deixando margens de segurança para a população.

Até às 17h, o balneário possui a estrutura do Corpo Permanente de Segurança, definido inclusive em Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), assinado entre a Prefeitura de Manaus e o Ministério Público no início de 2013, que mantém no local salva-vidas, bombeiros e equipes de atendimento à saúde de plantão.

Depois desse horário, para a própria segurança do usuário, é proibido entrar no rio. Entrar na água à noite é uma pratica arriscada, que consta dos principais manuais de segurança de praias do País. As regras estão previstas no regulamento e nas normas de uso do Complexo Turístico Ponta Negra.

Por medida de segurança, os acessos à praia da Ponta Negra possuem barreiras de contenção que visam coibir a entrada de animais, mesmos os de estimação, além de comida para evitar a contaminação da areia. Também são proibidos no local garrafas ou objetos de vidro; de material perfurocortante, como facas, mesmo de cozinha; além de pipas.

Em caso de dúvidas ou em qualquer situação de risco, é recomendado aos usuários do complexo que procurem os colaboradores do Implurb, guardas municipais, policiais militares ou salva-vidas.

Mario Dantas