Policiais e Bombeiros Militares acumulam deflação de 25% em seus salários, diz Cabo Maciel

By -

O pagamento do auxílio alimentação, auxílio moradia e auxílio fardamento não é salário. O que dignifica o trabalho do policial e bombeiro militar é cumprimento da data base de agosto e dezembro 2015, o ano todo de 2016 e 2017 e Gratificação de Tropa. Assim se pronunciou o presidente da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputado estadual CABO MACIEL (líder do PR), durante solenidade de entrega do Complexo Portuário de Novo Airão.

Enquanto, CABO MACIEL participava de solenidade em Novo Airão. O secretário e vice-governador Bosco Saraiva afirmava na mídia que o Governo já deu aumento para Polícia e Bombeiro Militar citando o pagamento do auxílio alimentação, moradia e fardamento.

Na opinião do deputado CABO MACIEL a assessoria do secretário Bosco Saraiva está lhe passando informação errada. Auxilio alimentação é para o policial se alimentar nos dias de trabalho, auxílio moradia é para alugar um local quando é deslocado para trabalhar no interior e auxílio fardamento é obrigação do Governo.

Portanto, até o momento o governo do AMA não deu nenhum aumento para os profissionais de segurança pública do Amazonas, que já começaram a contabilizar uma deflação de 25% de prejuízo em seus salários.

Roberto Brasil