Polícia Civil deflagra operação Pescador 6 nas zonas Oeste e Centro-Oeste

By -

operacao-pescador-6_1A Polícia Civil do Amazonas deflagrou no início da noite de sexta-feira, dia 24, a sexta edição da operação Pescador, concentrando as ações nas zonas Oeste e Centro-Oeste da capital. Cerca de 100 policiais civis, divididos em 40 equipes, participaram das atividades que resultaram em 1.235 abordagens de veículos e 1.946 de pessoas, além de 11 autos de infração, quatro apreensões carros e seis motocicletas.

Durante toda a noite de ontem e início da madrugada deste sábado, dia 25, o delegado geral de Polícia Civil do Estado, Orlando Amaral, acompanhou as barreiras montadas estrategicamente em alguns pontos da cidade com o intuito de inibir a prática de crimes, como roubos, estupros, tráfico de entorpecentes e homicídios.

operacao-pescador-6_2“Pretendemos, desta forma, garantir maior tranquilidade à população e tirar de circulação aquele indivíduo que anda armado com a finalidade de praticar crimes. Esse trabalho, implantado pelo secretário da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas, Sérgio Fontes, tem alcançado números bastante satisfatórios no que diz respeito à redução da criminalidade nesses locais em que atuamos”, argumentou a autoridade policial.

Como nas edições anteriores, delegados, investigadores, escrivães e integrantes do Grupo Força Especial de Resgate e Assalto (Fera) e Grupamento de Operações Aéreas (GOA) da Polícia Civil do Amazonas reforçaram o efetivo da operação, que contou ainda com o apoio de agentes administrativos, servidores voluntários e funcionários do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM).

Para o delegado Fábio Martins, coordenador da operação pela Polícia Civil, proporcionar maior segurança à sociedade é uma das principais metas da iniciativa. Moradora do bairro Presidente Vargas, na zona Sul, Nilza Rodrigues de Queiroz, 47, elogiou a presença da polícia nas ruas e dentro dos coletivos.

operacao-pescador-6_3“Estou indo para o bairro Glória e me sinto muito mais protegida dentro do ônibus com a presença da polícia pela cidade. Esse trabalho deve continuar, com certeza! Nota dez ao Governo do Estado e por todas as pessoas que zelam pela nossa segurança”, declarou Nilza.

Registros

O estudante de Administração Jhessy Andrade de Oliveira, 19, foi detido por volta das 22h na Ponte Rio Negro, bairro Compensa 3, zona Oeste, por policiais civis do Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO) e conduzido à Delegacia Geral, onde assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por consumo de entorpecentes. Com ele foram apreendidos dois pacotes pequenos de maconha. Ao término dos procedimentos cabíveis ele foi liberado para responder pelo crime em liberdade.

Eder Pinto Acosta, 29, que é odontólogo, foi detido às 23h30, na Avenida Comandante Norberto Wongal, Conjunto Santos Dumont, zona Centro-Oeste, após reagir à autuação de infração pelos agentes do Detran-AM, que constataram irregularidades na documentação do veículo conduzido por ele, modelo Cerato, de cor vermelha e placas JXY-3402.

Acosta foi trazido à Delegacia Geral, onde assinou TCO por resistência à ordem e foi liberado em seguida.

Roberto Brasil