Polícia Civil apresenta dupla que estuprou e matou jovem na zona Leste

By -
Os dois são acusados pelo homicídio de uma jovem ano passado, no bairro Amazonino Mendes

Os dois abusaram sexualmente da vítima antes de matá-la

A Polícia Civil, por meio da equipe de investigação da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), sob a coordenação do delegado titular, Ivo Martins, deflagrou uma ação policial realizada em Manaus e no município de Alenquer, no estado do Pará (PA), que resultou nas prisões de Jadson Carvalho da Silva, 25, conhecido como “Dinha”, e Fábio Pinto Rodrigues, 33.

A dupla foi apresentada nesta quinta-feira (19). Os dois são apontados como autores do homicídio de Lorena Lira Soares, 22, ocorrido no dia 25 de dezembro de 2014, no bairro Armando Mendes, zona Leste de Manaus.

O corpo de Lorena foi encontrado por moradores da área, no dia do crime, por volta das 18h, em um matagal, próximo a um campo de futebol, na Rua Arthur Neto, bairro Armando Mendes, zona Leste. A jovem estava com vários hematomas e um cipó enrolado no pescoço. De acordo o Instituto Médico Legal (IML), a causa da morte dela foi por estrangulamento, além de suspeita de abuso sexual.

“Desde dezembro investigávamos o caso", disse o Del. Ivo Martins

Segundo o delegado Ivo Martins, as investigações levaram cerca de dois meses até chegar na prisão dos autores do homicídio 

A ação policial iniciou na manhã da última terça-feira, 17, com a prisão de Fábio, que foi encontrado na residência dele, situada na Rua do Contorno, no mesmo bairro do crime. Jadson foi preso na tarde do dia 18, quarta-feira, no município de Alenquer, Pará. A prisão de Jadson teve apoio dos policiais civis do PA, lotados naquele município. Ele chegou a Manaus na manhã desta quinta-feira, 19, escoltado por policiais civis da DEHS.

“Desde dezembro investigávamos o caso e o nome dos dois detidos estava, inegavelmente, ligado a diversos fatores que nos levaram a ter certeza da autoria do crime. O próprio Jadson confessou o assassinato em depoimento e disse ter matado Lorena por conta de rixa causada entre traficantes. Ela também era usuária de drogas”, informou a autoridade policial.

Jadson e Fábio foram presos em cumprimento a mandados de prisão, expedido dia 16 de fevereiro de 2015, pela juíza Andréa Jane Silva de Medeiros, do Plantão Criminal, após o delegado Ivo Martins, representar, junto à Justiça, uma série de evidências que comprovavam o envolvimento da dupla no homicídio de Lorena.

Jadson e Fábio irão responder por homicídio duplamente qualificado (Artigo 212, § 2º do Código Penal Brasileiro). Ao término das oitivas, eles serão conduzidos à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, onde irão ficar à disposição da Justiça.

Apesar da prisão dos dois, a Polícia civil, por meio da equipe de investigação da DEHS, continuará investigando o caso para chegar a outras possíveis pessoas envolvidas na morte da vítima.

Roberto Brasil