Planalto anuncia Jungmann para o Ministério da Segurança

By -

Segundo porta-voz da Presidência, Michel Temer editará, ainda hoje, medida provisória para a criação da nova pasta

porta-voz da Presidência, Alexandre Parola, anunciou nesta segunda-feira (26) que o novo ministro da Segurança Pública será Raul Jungmann, que deixará o Ministério da Defesa para assumir a pasta.

“O presidente nomeará como ministro da Segurança Pública o atual ministro da defesa Raul Jungmann”, informou Parola.

No lugar de Jungmann assumirá, de forma interina, o general de Exército Joaquim Silva e Luna.

Ainda conforme o porta-voz, também hoje Temer editará uma medida provisória para a criação do novo ministério, que atuará na coordenação e promoção da “integração dos serviços de segurança pública em todo o território nacional em parceria com os entes federativos”.

Agora, o governo passa a contar com 29 ministérios. Antes de assumir o país, Michel Temer prometeu reduzir o número para 22. Acabou nomeando 25 nomes e, em seguida, acrescentou mais três. Hoje, cria mais uma pasta.

A decisão sobre o ministério foi tomada após reunião, nesse domingo (25), no Palácio do Jaburu. Depois do encontro com outros integrantes do governo, o ministro da Justiça, Torquato Jardim, informou que a pasta terá, além do ministro, um secretário-executivo e mais nove assessores.

Ainda segundo ele, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Departamento Penitenciário Nacional e Secretaria Nacional de Segurança Pública ficarão subordinadas ao novo ministério, deixando a alçada da Justiça. Com informações do Notícias ao Minuto.

Roberto Brasil