PDT pode ficar independente ou ir para oposição ao governo Artur na prefeitura

By -

O PDT, um dos partidos que apoiou o prefeito Artur Neto em sua recente incursão eleitoral, pode passar para a oposição no dia de amanhã. Uma reunião entre os três vereadores da legenda, Gilmar Nascimento, Jornada e Carijó. Amanhã, na Câmara Municipal de Manaus, deve orientar a postura do PDT diante do novo governo municipal. “Estivemos com Artur desde o primeiro turno e não fomos excluídos da formação do secretariado. Não fomos procurados sequer para acender fogos de artifício para a posse do prefeito”, reclama o presidente do PDT, Stones Machado, avisando que o partido vai analisar em que terreno estar pisando e pode adotar várias posturas, dentre elas a de independência e até mesmo o de oposição responsável.

Redação