PDT decide pela neutralidade no segundo turno das eleições

By -

hissa-pdt-eleicoes-2016_2O Partido Democrático Trabalhista (PDT) decidiu não se envolver no segundo turno das eleições em Manaus. O anúncio foi feito pelo deputado federal Hissa Abrahão – que no primeiro turno participou do pleito obtendo 27,5 mil votos – na manhã desta sexta-feira (7), durante coletiva de imprensa, na sede da sigla pedetista, na rua Emílio Moreira, Centro.

Segundo o deputado Hissa, o partido prefere não marchar com nenhum dos candidatos porque as candidaturas representam apenas a disputa do poder pelo poder. “Se somarmos todos os votos nulos, brancos e dos outros participantes, são maiores que dos dois candidatos. As candidaturas deles representam apenas a briga pela manutenção de poder. Não encantam e nem são a resolução de problemas da população”, comentou.

hissa-pdt-eleicoes-2016_1Hissa Abrahão informou que a militância do partido está liberada para fazer a escolha que desejar. “Não vamos fazer apoio com um dos dois para pagar contas do primeiro turno ou negociar cargos em secretarias. A militância fica livre para fazer a escolha que optar, mas nós preferimos não marchar com nenhuma das candidaturas das máquinas”, disse.

Stones Machado, presidente estadual do PDT, disse que o projeto de Hissa para o Amazonas não encerrará nesta eleições. “Trouxemos o Hissa porque acreditamos no potencial dele e sabemos que ele tocará o nosso projeto no Estado. Sabíamos que enfrentaríamos um sacrifício, pois lutar contra as máquinas  é difícil. Contudo, nossa luta vai continuar. Apresentamos para Manaus uma alternativa, fora dos grupos do poder e vamos seguir neste objetivo”, destacou o presidente.

Roberto Brasil