Obra em Ponte no Lírio do Vale I segue em ritmo acelerado

By -

ponte

A Prefeitura de Manaus avança na construção da nova ponte da Rua Santa Inês, bairro Lírio do Vale I, zona Oeste. Essa semana, a equipe da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), que executa a obra, finaliza a montagem das aduelas e a estruturação da galeria em concreto armado. A previsão de conclusão dos serviços é de 40 dias. 

A ponte desabou no dia 1° de março, após forte chuva, deixando os moradores da área isolados. Os serviços no local começaram em seguida, contemplando, ainda, a desobstrução do canal com o uso de máquinas pesadas como retroescavadeiras.

Ainda essa semana iniciam os serviços de contenção do rip-rap. “Vamos fazer também a construção de uma laje e dar seguimento aos trabalhos de terraplanagem, com a aplicação de massa asfáltica e construção de meio-fio e sarjeta”, explicou o diretor do Departamento de Manutenção e Infraestrutura Urbana (Dmiu) da Seminf, José Roberto Costa.

De acordo com o secretário municipal de Infraestrutura, Alexandre de Morais, o serviço de implantação das galerias em concreto armado garantirá uma estrutura mais durável e segura à ponte que serve também para a passagem de veículos.

ponte2

“A Seminf tem trabalhado arduamente para atender as demandas no menor tempo possível. O serviço da ponte está sendo feito de forma rápida, mas sem deixar de prezar pela qualidade, principalmente com as galerias de concreto, que vão garantir estruturas mais duráveis e seguras”, reforçou o secretário.

Moradores do local estão na expectativa de ver a obra concluída. “Antes mesmo de a ponte desabar, a situação aqui estava complicada. Mas, no mesmo dia do incidente a prefeitura iniciou os trabalhos de recuperação e, com a conclusão, vamos ter uma via mais digna”, comemorou a moradora Estela Firmino.

Ponte provisória

Para garantir o trânsito dos moradores, a prefeitura colocou emergencialmente uma ponte de madeira na área, a ser usada até a conclusão da obra definitiva.

Antes de desabar, a ponte da rua Santa Inês já estava inclusa no cronograma do pacote de reformas em pontes programado pela Seminf. Os locais foram mapeados pelo órgão e incluem principalmente estruturas que não recebem reforma e melhorias há mais de dez anos.

Mario Dantas