Novo Airão e Beruri recebem Eduardo Braga com multidões em caminhada

By -

bragaA avenida Ajuricaba, em Novo Airão, foi tomada por milhares de pessoas que acompanharam o senador Eduardo Braga, candidato ao Governo do Estado pela coligação “Renovação e Experiência”, numa caminhada até o palco onde ele realizou um comício na cidade. “Estou muito alegre de estar numa linda cidade com um povo tão bonito como Novo Airão”, afirmou o senador.
Braga lembrou das promessas não cumpridas do atual governo. “Aqui em Novo Airão eles se comprometeram a concluir o hospital. Isso faz quatro anos e meio. Eles tiveram dinheiro e tempo e o hospital ainda não está pronto. Ou eles não quiseram, ou não sabem fazer”, disse. “Prometeram também uma orla igual à Ponta Negra. Cadê a orla? Qual foi a escola nova que eles fizeram em Novo Airão”, questionou.

“Nós, se o povo de Novo Airão quiser e Deus nos permitir, quando chegarmos ao governo vamos retomar essa obra do hospital e desenterrar essa cabeça de burro”, prometeu, afirmando que Novo Airão é uma cidade abençoada por suas belezas naturais. “Vocês têm um dos paraísos que Deus fez na Terra, que é novo Airão”, disse.

A colocação do Amazonas no último resultado do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) foi comentada por Eduardo Braga. “Na nota do Ideb, o Amazonas caiu seis posições. É uma vergonha. Aquilo que nós conseguimos subir, eles conseguiram baixar. É triste porque é a educação que transforma. É a educação que prepara”, lamentou.
O candidato ao senado Francisco Praciano sobre o período especial que precede as eleições. “Vejo as eleições como uma coisa muito séria. É um momento em que a gente faz uma reflexão da própria vida, da vida do nosso bairro, da nossa cidade e do nosso país. O investimento do voto é muito sério porque mexe com a tua vida e a vida de todos. Você tem que pensar bem e fazer a escolha certa”, propôs.

BERURI

No município de Beruri, onde esteve na manhã deste sábado (06) uma verdadeira multidão acompanhou Eduardo Braga pelas ruas da cidade. Por onde passou, ele ouviu apelos dos moradores para que volte ao governo. Foi o caso do agricultor Francisco Ferreira Chagas, 63, que afirmou querer que Beruri volte a crescer. “A gente via o Eduardo todos os anos distribuindo financiamento para nós, que somos pequenos, e também motor rabeta, sementes e instrumentos para a gente ter o pão de cada dia. Ele é um pai para homem do interior. Por isso, tem tanta gente aqui no sol quente para ouvir ele”, afirmou.

Mario Dantas