Nem os sórdidos conseguirão calar o BLOGdaFLORESTA

By -

liberdade-de-imprensa

O BLOGdaFLORESTA quer alertar as autoridades, sobretudo a Polícia Federal, sobre a suposta ação de “piratas da internet” em Manaus durante a campanha eleitoral, a quem creditamos várias quedas desse site, incluindo a mais séria e grave que nos atingiu na segunda-feira e nos deixou fora do ar por 24h. Os ataques durante a campanha foram constantes e praticamente diiários, dos quais conseguimos resistir pela reação de nosso excelente corpo de assistente técnico e apoio de um especialista fora da nossa Redação. Além disso, o fato de possuirmos um  canal dedicado com capacidade para elevada demanda, ajudou na resistência. E os ataques ao BLOGdaFLORESTA são assunto de domínio público. Numa entrevista coletiva, o candidato Artur Neto fez essa declaração: “É fácil perceber que o BLOGdaFLORESTA está sofrendo ataque de hacker quando agora quando se lê o BLOGdaFLORESTA, há uma interferência; as letras tremem e a página parece que quer ir para o espaço”. Inúmeras outras pessoas alertaram de que o BLOGdaFLORESTA seria retirado do ar. E vale lembrar que na retirada mais grave do nosso site ocorre exatamente alguns minutos antes da chegada da presidente Dilma a Manaus, ao mesmo tempo em que eram derrubadas placas de out door em que trabalhadores pediam de volta a liberação dos recursos contingenciados da Suframa. Não estamos falando à toa sobre “piratas da internet”. Desde o início da campanha eleitoral circula a informação da existencia de três hackers atuando numa coligação. E quem sabe se a investigaçãonão deve começar desse ponto. Nunca um site foi tão açoitado politicamente como o nosso nas presentes eleiçõwa. Nossos repórteres foram hostilizados em certos eventos. Nosso editor foi atingido por várias persegiuições na Justiça e vítima de notinhas covardes em blogs que ninguém lê. Mas não conseguiram calar o BLOGdaFLORESTA e jamais conseguirão, simplesmente porque a liberdade de imprensa sempre irá triunfar ainda que em tempos àsperos ou quando é grande a ação de pessoas sórdidas.///Orlando Farias

Redação