Na Aleam, consulta à tramitação de projetos estará disponível a partir de fevereiro de 2016

By -

aleam-consulta-projetosO presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas, deputado Josué Neto (PSD) informou que a o site do Parlamento vai disponibilizar, a partir de fevereiro de 2016, o sistema de acompanhamento de projetos dos deputados, em tempo real. Esse sistema foi criado pela Câmara Municipal de Manaus (CMM) e disponibilizado para a Aleam através de uma parceria de trabalho, firmada em outubro deste ano. Além dos projetos, o sistema vai oferecer informações referentes aos trabalhos dos deputados e atividades da instituição.

Segundo o presidente Josué Neto por meio desse sistema os servidores, deputados e a imprensa poderão consultar em que comissão está tramitando determinado projeto, além do seu conteúdo. “Sabemos que existem problemas na tramitação de projetos, dificuldade do deputado saber onde está sua matéria. Por isso já estamos executando um programa, para que os servidores, a imprensa, os deputados tenham, em tempo real, dentro de um ambiente de intranet, o acesso à tramitação dos projetos. Se houver a suposição de que uma matéria está engavetada em uma das comissões, vamos saber onde ela está, porque ela está lá, quando foi o último despacho”, afirmou.

Segundo informações da Diretoria de Informática da Aleam, inicialmente o sistema será interno, podendo ser acessado pela imprensa e pelo público externo em bases de consulta que estarão disponíveis na Aleam.

O diretor de Informática do Legislativo, Márcio Kennedy Siqueira, adiantou que o sistema está sendo concluído em duas fases distintas e se alinha ao esforço do setor em atuar dentro do conceito da mobilidade na comunicação, ou seja, ser acessível também por smartphones.

A primeira fase de instalação do aplicativo (interna) estará concluída até o final do mês de dezembro e, a segunda (externa), será implantada nos meses de janeiro e fevereiro. De acordo com Siqueira, o sistema permitirá, entre outros serviços, o acesso a projetos em tramitação, junto ao banco de dados do Legislativo dentre outros serviços da Casa. “O aplicativo, também, vai possibilitar o acesso a informações referentes ao trabalho dos deputados, como participação em comissões e proposições apresentadas”, disse.

Alimentação de dados

De acordo com Márcio Siqueira, o sistema já está sendo implantado e o carregamento dos dados está sendo feito pelos setores ligados à tramitação dos projetos como a Diretoria de Apoio Legislativo (DAL) e as Comissões Técnicas Permanentes da Casa. A DAL, por exemplo, está fazendo a alimentação dos projetos apresentados em anos anteriores pelos deputados.

Após o carregamento dos dados será iniciada a segunda fase de implantação do sistema que é a de execução e disponibilização dos dados.

Roberto Brasil