Moradores da zona leste pedem atenção da Prefeitura de Manaus

By -

Da Redação – Neste sábado (15), os moradores dos bairros Grande e Nova Vitória na zona leste de Manaus demandaram atenção por parte da Prefeitura de Manaus, sistema de esgoto, tapa-buraco, coleta de lixo e linhas de ônibus estão entre as principais demandas. O registro foi durante a ação social dos Amigos Solidários na Igreja de Deus Pentecostal do Brasil, localizada na Rua Jundiaí, bairro Grande Vitoria.

Na ação social foram disponibilizados serviços de embelezamento e saúde e a coordenadora dos Amigos Solidários, Rosa Nobre agradeceu à equipe pelo trabalho.

Segundo  Joselino Nascimento, as demandas são muitas no bairro Grande Vitória. “Falta iluminação nas ruas, serviço de tapa buraco, a atenção é precária na Casinha da Saúde porque não atende as pessoas de outras áreas”, destacou.

A comerciante Maria Rosimar dos Santos Melo afirma que já teve seu estabelecimento assaltado. “A falta de segurança ainda é um grande problema aqui. A coisa mais difícil é passar a Ronda dos Bairros. Já fui vítima de assalto onde trabalho. Além disso, muitos reclamam da falta de quadras esportivas, pois apenas há o Buracão, onde os homens jogam bola, mas nós mulheres e crianças não temos um espaço para área de lazer”.

Abandono há quinze anos

A senhora Erijane dos Santos Felipe, antiga moradora do local, afirma que o Nova Vitória está entregue a própria sorte, com vários problemas. “Não temos Casinha da Saúde. Não temos uma linha de ônibus que atenda a todos, pois o transporte passa nas ruas principais e não entra nas outras ruas. Não temos serviço de correio, nem iluminação, a coleta de lixo passa uma vez por semana e fica a sujeira espalhado por dias”, reclama.

“O anexo da escola está lotado e não atende o número de pessoas que buscam ensino, precisando se deslocar até o Puraquequara. O nosso bairro tem quinze anos e nunca foi atendido pela Prefeitura. Estamos completamente abandonados. Falaram que iam colocar um sistema de esgoto e colocaram apenas uns canos por onde saem às fezes que ficam a céu aberto nas nossas ruas e o fedor é insuportável”, finalizou. (Mercedes Guzmán)

Roberto Brasil