“Melo vai apoiar Dilma no Amazonas. O Lula que apoia Braga, também já apoiou o Alfredo”, diz Sidney Leite

By -
Sidney Leite / José Melo

Sidney Leite / José Melo

O vice-presidente da executiva regional do Partido Republicano da Ordem Social (PROS), o deputado estadual Sidney Leite reafirmou nesta segunda-feira (10/02) ao BLOGdaFLORESTA que o pré-candidato ao governo do Amazonas, professor José Melo, vai apoiar a candidatura a reeleição da presidente Dilma Roussef (PT). Leite comentou ainda sobre o apoio de Lula, ao senador Eduardo Braga (PMDB), a saída do deputado estadual Marco Antonio Chico Preto da liderança da maioria na ALEAM e o processo de filiação do PROS.Na avaliação dele, o momento é de dialogo, mas uma das definições é que o vice-governador fará palanque para a presidenta. “É de conhecimento geral que o professor Melo, que junto com o governador Omar Aziz (PSD) fazem parte da base da presidente Dilma, vão trabalhar para a reeleição dela. Nesse momento há muitas injunções partidárias. Mas Omar e Melo tem uma relação política e administrativa com o governo federal e com a presidenta”, comentou.

Para Leite a informação repassada na semana passada, pela assessoria de imprensa do pré-candidato do PMDB, que o ex-presidente Lula vai Eduardo Braga, não define nada no processo. “Isso é normal. Na eleição de 2010 o ex-presidente Lula, que informaram já apoia Braga, também deu apoio ao então candidato Alfredo Nascimento. Isso não impediu que o PT no Amazonas, parte ficasse também com o governador Omar. O Omar e José Melo, por sua fez, apoiaram naquela época a eleição da presidente Dilma, como vão fazer agora. Pois de forma oficial, até onde sabemos, não há manifestação concreta do apoio da presidente sobre apoio incondicional para A ou B no Amazonas”, disse.

Sidney Leite afirmou ser legítima a pré-candidatura e a renuncia do ex-líder da maioria Marco Antonio Chico Preto (PMN) na ALEAM. “ O Chico tomou uma decisão ao meu ver correta. Tomamos conhecimentos que ele pretende também disputar o pleito majoritário estadual e é uma candidatura legítima dentro do processo democrático. Por isso ele saiu. Todos nos devemos compreender isso”, analisou.

Para o deputado do PROS, o substituto de Chico Preto deve sair nesta semana. “ A escolha não dependente de mim ou de outra pessoa. É um dialogo entre todos que formam a base. Esse processo é entendimento. Meu nome foi citado no final de semana. Eu não tenho cargo na mesa diretora, mas tenho também muito trabalho na Comissão de Educação Estadual. Temos outros nomes a disposição da bancada”, diz.

Leite anunciou que no mês de março o PROS realiza nova campanha de filiação em Manaus e nas cidades do interior. Também a executiva prossegue o recolhimento de ideias e projetos do meio da comunidade para serem apresentadas na cartilha de campanha eleitoral até o mês de outubro. “O professor Melo costuma dizer que o PROS não tem dono no Amazonas. Isso é uma realidade. Nosso partido tem diversos segmentos sociais envolvidos e vamos expandir a meta com novas filiações. Nosso partido é plural por isso as lideranças das mulheres, juventude e indígenas tem vez e voz”, finalizou o parlamentar. /// (Hudson Lima)

Redação