‘Me senti como no filme Esqueceram de mim’, diz Lula sobre Olimpíadas

By -

lula-esqueceram-de-mimO ex-presidente Lula disse na noite desta segunda-feira (15) se sentir como o personagem do filme “Esqueceram de mim” por não ter sido convidado para a cerimônia de abertura das Olimpíadas do Rio, no início deste mês.

– Confesso que fiquei de boca aberta de ver a qualidade, mas me senti como no filme “Esqueceram de mim”. Me dei conta de que não existiria Olimpíada no Brasil se não fosse eu. Me dei conta que derrotamos Madri, que não é pouca coisa, derrotamos Tóquio e Obama e a mulher dele, que foram a Copenhague defender (a candidatura de Chicago) – disse Lula, durante encontro organizado pela CUT para celebrar os 10 anos da Lei Maria da Penha, em Santo André, no ABC Paulista.

Clássico dos anos 90, o filme “Esqueceram de mim” conta a história de uma família que planeja passar o natal em Paris, porém esquece em casa um dos filhos de oito anos, interpretado pelo ator Macaulay Culkin.

No evento desta segunda, o ex-presidente disse que a escolha do Rio de Janeiro como sede olímpica foi a “realização de um sonho” em sua vida. Ele lamentou não ter sido convidado também para eventos da Copa do Mundo de 2014, para o qual ele também teria trabalhado:

– Não fui convidado para a abertura, mas também não lamento porque rei posto é rei morto, tenho consciência disso – afirmou o ex-presidente.

No encontro com as mulheres e militantes, Lula disse ter tido orgulho de eleger Dilma Rousseff como sua sucessora, na condição de “mulher que lutou o regime militar, foi barbaramente torturada e chegou à Presidência para governar o país sem ódio”.

– Eu lamento profundamente que a elite brasileira não tenha tido competência de aprender na diversidade e com os contrários – disse, referindo-se ao processo de impeachment contra a presidente afastada.

O ex-presidente chamou o processo contra Dilma de golpe:

– Eles não caçaram a Dilma, caçaram o voto que vocês deram pra ela, em nome da safadeza. Porque quiseram chegar ao governo por um atalho, não quiseram disputar uma eleição – disse Lula.

Falando como quem já não acredita mais ser possível manter o mandado de Dilma, o ex-presidente afirmou estar certo de que o PT voltará ao poder em 2018.

– O que estão fazendo com a Dilma é um crime contra a democracia, é rasgar a nossa constituição. Façam eles o que quiserem, porque em 2018, nós vamos voltar a governar este país pelo voto democrático – afirmou Lula, para quem “quanto mais ódio alimentarem, mais mentiram contarem a meu respeito, mais vou crescer”.

– Daqui a pouco tô que nem Pokémon – brincou o ex-presidente.

(Com Agência O Globo)

Roberto Brasil