Maquiadora tem rosto queimado com água quente por companheiro

By -

A maquiadora foi socorrida pelos pais do jovem que fugiu após o ocorrido

Na manhã do último sábado (16) uma maquiadora de 20 anos foi vítima de violência doméstica por parte do companheiro, identificado como Jeferson Rios da Silva, 22. À polícia, a jovem informou que Jeferson ferveu uma panela de água e jogou contra o seu rosto, o que causou uma queimadura de segundo grau na orelha, além de ter parte do rosto, braços e mãos queimadas. A motivação do crime seria ciúme.

a jovem relatou que a motivação do crime seria o ciúme de Jeferson Rios da Silva, 22 (Fotos: Winnetou Almeida)

De acordo com a vítima, o companheiro chegou do trabalho, por volta das 9h de ontem (16), ferveu uma panela de água e em seguida a colocou debaixo da cama do casal. Logo depois ele acordou a maquiadora com puxões de cabelo e quando a mesma disse que iria gritar pelo pai dele, o rapaz pegou a panela e jogou a água quente na direção do rosto da vítima.

“Ele chegou em casa e já me acordou desse jeito. A gente já vinha brigando há algum tempo por ciúmes dele e eu disse que queria vir embora para a casa da minha mãe, em Manaus. Ele então chegou a cortar quase todas as minhas roupas, mas depois conversamos e ficamos relativamente bem. Tomei um susto quando acordei sendo agredida”, disse a vítima, visivelmente abalada, acrescentando à reportagem que esta não foi a primeira agressão sofrida por ela por parte de Jeferson.

O fato ocorreu dentro da casa onde a vítima morava com o infrator, no bairro Galo da Serra, município de Presidente Figueiredo, distante 120 quilômetros em linha reta de Manaus. Ela foi socorrida pelos pais do companheiro, que a levaram ao hospital da cidade. Após receber os primeiros cuidados médicos, a mulher foi transferida para o Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto, em Manaus. Na manhã de hoje (17) ela recebeu alta médica.

Familiares da vítima informaram que foi feito um Boletim de Ocorrência (BO) sobre a violência na delegacia de Presidente Figueiredo, porém, até o momento, o autor do crime não foi preso. Conforme a família da maquiadora, desde a hora do crime Jeferson fugiu da casa onde morava e não foi mais visto. Nesta segunda-feira (18) a vítima irá até a Delegacia Especializada em Crimes contra a Mulher (DECCM) para fazer a denúncia contra o agora ex-companheiro. Portal A Crítica

Roberto Brasil