Manaus participa de campanha interestadual para a doação de sangue

By -

casamento-vermelho1Começou neste sábado (27) e vai até a semana que vem a campanha interestadual para a doação de sangue “Casamento Vermelho”. O que começou como uma brincadeira nas redes sociais de algumas prefeituras do país, inclusive da Prefeitura de Manaus, virou assunto sério e vai ajudar a salvar muitas vidas.

“A Prefeitura de Curitiba é referência em mídias sociais por dar um ar mais descontraído na interação com os usuários e, por conta disso, sempre é pedida em casamento pelos internautas e acabou aceitando o pedido da Prefeitura do Rio de Janeiro. Entramos nessa história como a “mulher traída”, já que temos uma relação forte nas redes sociais com a Prefeitura de Curitiba, mas, brincadeiras à parte, estamos muito felizes em ser madrinha dessa iniciativa que é muito importante”, explicou a analista em mídias sociais da prefeitura, Tayara Wanderley.

casamento-vermelho3A ação que, inicialmente, duraria apenas um dia será estendida até o próximo sábado, 4 de outubro. Segundo a Fundação de Hematologia e Hemoterapia do Amazonas (Hemoam), que fica na avenida Constantino Nery, a medida vai ajudar a aumentar o estoque de sangue enquanto estão sendo realizados, na capital, os mutirões de cirurgia.

“Fazemos um apelo para que todos possam fazer parte desse casamento simbólico e nos ajude a aumentar o nosso estoque, principalmente, as pessoas de tipologia sanguínea A+ e todas de fator Rh porque existe uma carência muito grande desses tipos menos comuns”, completou a subgerente de Captação de Sangue da Fundação Hemoam, Eleonora Araújo.

casamento-vermelho2Já no primeiro dia da ação, dezenas de pessoas compareceram ao hemocentro, como o motorista de caminhão Maglisson Pereira, que se disse feliz em ajudar outras pessoas. “Valeu muito a pena, porque é sempre bom ser solidário ao próximo. Essa não é a primeira vez que estou doando sangue. Vim por conta de uma amiga e sempre que for preciso estarei aqui de novo”, comentou.

Quem quiser participar da campanha Casamento Vermelho precisa ter de 18 a 65 anos, pesar mais de 50 quilos e se dirigir ao Hemoam das 8h às 18h, portando a carteira de identidade para fazer todos os exames necessários antes da coleta. Além do Hemoam, os doadores também podem procurar o posto de coleta da Maternidade Ana Braga, na zona Leste da cidade, das 8h às 17h.

Roberto Brasil