Mais 180 camelôs participam de capacitação

By -

capacitacao-viva-centro1A partir desta primeira semana de outubro, mais 180 trabalhadores que saíram do entorno das ruas da Galeria dos Remédios para aderirem ao programa Viva Centro Galerias Populares iniciam o Programa de Capacitação de Camelôs, promovido pela Prefeitura de Manaus. No total, mais de 650 vendedores ambulantes já participaram dos cursos, que têm como foco desenvolver o empreendedorismo dos trabalhadores para aplicarem em seus negócios. 

A capacitação é promovida pela Escola de Serviço Público Municipal (Espi), órgão vinculado à Secretaria Municipal de Administração, Planejamento e Gestão (Semad), com o apoio da Secretaria Municipal do Centro (Semc). O curso tem, ainda, parceria do Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam), do Governo do Estado – parceiro da prefeitura no processo de qualificação dos trabalhadores que estão deixando as ruas.

A diretora geral da Espi, Luiza Bessa Rebelo, explica que o objetivo da capacitação é alinhar a experiência dos camelôs no comércio, por meio de uma proposta pedagógica, a novos conhecimentos técnicos que irão ajudá-los a lidar com o novo negócio, agora como microempreendedores.

Para o titular da Semc, Glauco Francesco, esse é um passo importante para a consolidação do projeto Galerias Populares, porque oferece condições para que os camelôs deixem a informalidade para se tornarem de fato empreendedores.

A qualificação será desenvolvida em quatro módulos diferentes e as aulas acontecem na Escola Estadual Francisco Albuquerque, localizada na Avenida Joaquim Nabuco, 1159, no Centro, das 18h às 22h.

O primeiro módulo, de “Atendimento ao Cliente”, iniciou na segunda-feira, 6, e vai até sexta-feira, 10. Já o segundo, sobre “Empreendedorismo”, será realizado do dia 13 ao dia 17 de outubro. O terceiro, “Gestão e Negócios”, acontece do dia 20 ao dia 28 de outubro. “Finanças Pessoais” é o último e acontecerá no período de 03 a 07 de novembro.

Roberto Brasil