Luiz Castro defende políticas públicas igualitárias para Estados da Região Norte

By -
Dep. Luiz Castro

Dep. Luiz Castro

Em pronunciamento no plenário da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), nesta terça-feira (8), o deputado estadual Luiz Castro (PPS), admitiu ter havido um avanço histórico decorrente da Independência do Brasil e Elevação do Amazonas à categoria de Província, comemorados respectivamente nos dias 5 e 7 setembro.

No entanto, o parlamentar disse que é preciso conquistar a autonomia com relação às políticas públicas do Governo Federal na Amazônia, inclusive no Estado do Amazonas. Segundo Luiz Castro, ainda hoje as políticas públicas são desenhadas para o Sul e Sudeste do Brasil, como já eram feitas em Portugal e continuaram no Rio de Janeiro e depois em Brasília.

“Ao comemorar o 5 de Setembro se faz necessário refletir sobre a necessidade da nossa região ser desenvolvida com a inclusão social dos irmãos indígenas e caboclos em todos os rincões perdidos no meio da floresta”, mencionou.

Na opinião do deputado, o parlamento estadual, assim como as bancadas de deputados federais e senadores do Amazonas e Pará, precisam lutar para aprovar leis mais justas. “Infelizmente, as leis e sua aplicação são feitas no país de maneira que reproduz desigualdades, êxodo rural e exclusão de aposentadorias”, mencionou Castro, ressaltando que o Amazonas é o segundo Estado brasileiro com menor indicador de aposentadorias nas cidades do interior.

Roberto Brasil